Afinal, o Renault Arkana vai mesmo ser vendido na Europa

By on 12 Novembro, 2019

Quando a Renault revelou a versão coupé do SUV Arkana, rejeitou o seu envio para a Europa, restringindo-o ao mercado russo e da Coreia do Sul através da marca Samsung.

Afinal, isso não era bem verdade. O insucesso do Koleos – vendeu nos primeiros nove meses de 2018, 15 578 unidades, mas em igual período de 2019, foram vendidas apenas 8 206 unidades, quase metade! – faz com que a Renault recuasse e, apesar de ainda não ser oficial, internamente já se sabe que o carro virá para o Velho Continente. Algo que a Skoda com o Kamiq GT e a Mazda com o CX-4, não fizeram até ao momento, restringindo estes modelos SUV coupe ao mercado chinês.

Mas o Arkana terá de receber algumas alterações: a plataforma do Dacia Dustert será trocada pela base do Clio e do Captur, a CMF-B, o interior será mais parecido com o do novo Clio. Adotando as mesmas mecânicas do Clio e do Captur, o Arkana poderá ser produzido nas mesmas linhas de montagem, no caso, em Espanha. O carro irá encontrar lugar entre o Captur e o Kadjar.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)