Aston Martin acaba com projeto do Rapide E, a berlina de luxo elétrica

By on 10 Janeiro, 2020

Recordamos que Andy Palmer fez alarde, no Festival de Goodwood, do que era o Rapide E, a berlina de luxo de quatro portas da Aston Martin, totalmente elétrica. O projeto foi colocado no caixote do lixo.

Após a Aston Martin ter lançado outro alerta para o não cumprimento das metas previstas para o ano fiscal de 2019 – Andy Palmer, o CEO, fez questão de dizer que o ano de 2019 foi terrivelmente desapontante – chega a notícia recolhida pelos nossos camaradas da revista Autocar, que o Rapide E passou de berlina elétrica de produção limitada a 155 unidades, para um projeto de desenvolvimento. Ou seja, acabou!

A casa de Gaydon está concentrada em vender muitos, mas mesmo muitos, DBX, modelo que a Aston Martin considera crucial para a sua recuperação. O carro começa a ser entregue no segundo trimestre de 2020.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)