BMW continua a defender a nova linguagem de estilo

By on 17 Dezembro, 2019

As críticas são muitas, mas parece que as grelhas de dimensões apocalípticas vão continuar na BMW.

Quando o homem responsável pelo produto diz que a nova linguagem de estilo “é feita de um forte caracter e de um design ousado” e está perfeitamente convencido “que este é o passo certo para a companhia”, que poderemos, nós jornalistas dizer?

Ao que parece, Peter Henrich, o patrão do departamento de produto da BMW, em entrevista à revista britânica Autocar, tem recebido um retorno “muito positivo” à mudança de estilo que viu pespegarem na frente de modelos, como o X7, grelhas de dimensões apocalípticas. Por isso, está convencido que esta nova orientação estilística criada por Adrian von Hooydonk, é o caminho certo. E diz que os dados dos consumidores dizem isso.

“É crucial para o sucesso. Os clientes da BMW estão a pedir isto. Querem expressar alguma coisa e não têm medo de exibir um carro com forte carácter. É isso que eles procuram. Por isso, decidimos nos focar ainda mais em detalhes de carácter e num design ousado e arrojado” disse à Autocar, Henrich, acrescentando que “a equipa de design liderada por Adrian van Hooydonk fez um excelente trabalho ao desehar e definir este carácter do estilo da BMW. As reações forma muito positivas e quando apareceu pela primeira vez no X7, as pessoas logo disseram ‘que enorme é o duplo rim’, mas os clientes nunca reagiram assim e o carro é um enorme sucesso. Esteve esgotado durante muito tempo e as pessoas amam o X7. Claro que vão sempre existir pessoas que procuram algo para criticar, mas na maioria tem medo de algo novo. Mas somos muito auto confiante e vamos continuar neste caminho.”

Quando interrogado se uma grelha deste tamanho seria aplicável ao Série 5 ou a outros modelos, Peter Henrich foi mais cauteloso e referiu que “cada carro terá de ter o seu posicionamento e nos primórdios do desenvolvimento, sentamos o produto, design e engenharia, à mesma mesa para definir o carácter e o posicionamento. Alguns carros são mais extrovertidos, outros menos, outro mais ousado, outros mais clássicos. E sabemos que os clientes procuram um carro diferente no Série 3 que no Z4 ou no X6, por isso, cada modelo terá a sua dose de ousadia e de carácter.”

Mas a BMW já recuou um pouco e depois de ter revelado o Vision iNext, cuja grelha foi zurzida pela maioria dos jornalistas e dos clientes da marca, esta desapareceu das opções, algo confirmado por Domagoj Dukec, patrão do estilo dos protótipos de futuro. Justificação? “A união da moldura do duplo rim fez com que deixasse de ser um duplo rim e isso não pode suceder. A grelha é fundamental para modelos como o iNext e para o iX3 e i4, pois gastamos uma pipa de dinheiro a fazer os sensores ‘ver’ através do cromado. Mas não será uma grelha como a dos iNext, certamente” referiu Dukec.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)