BMW vai construir o futuro Mini elétrico na China com a Great Wall

By on 29 Novembro, 2019

Chama-se “Spotlight Automotive Limited” e é a nova “joint venture” da BMW com a Great Wall para a eletrificação da Mini.

Apresentada na cidade chinesa de Zhangjiagang, a nova “joint venture” será muito importante para a estratégia de eletrificação da Mini, ao oferecer uma nova fábrica com capacidade para 160 mil unidades, num investimento de ambos os parceiros a rondar os 650 milhões de euros. O novo projeto tem um inovador modelo de “joint venture” com desenvolvimento e produção conjuntos, sendo, por isso, uma ideia vencedora para os dois parceiros.

Esta nova fábrica produzirá os futuros modelos totalmente elétricos de um Mini focada na eletrificação. A unidade de produção terá capacidade para 160 mil unidades/ano, vai criar 3 mil postos de trabalho e um investimento de 650 milhões de euros, sendo construída entre 2020 e 2022. A localização da “Spotlight Automotive Limted” será em Zhangjiagang, na província de Jiangsu. Marca, também, o acordo ratificado em Berlin, no verão do ano passado, para esta “joint venture” entre BMW e Great Wall, com repartição 50/50 entre as duad companhias. Este acordo foi assinado na presença de Angela Merkl, chanceler alemã e do primeiro ministro chinês, Li Keqiang.

Além da fabricação dos modelos elétricos da Mini, a nova fábrica terá um módulo de pesquisa e desenvolvimento de veículos elétricos para o futuro da mobilidade elétrica. Serão fabricados ali os Mini, mas também modelos eletrificados da Great Wall. A fábrica de Oxford, onde são feitos os Mini e que chegou á marca dos 10 milhões de carros produzidos, continuará a ser estratégica para a Mini. A fábrica chinesa só vai adicionar capacidade produtiva.

Klaus Frohlich, membro do concelho de administração da BMW AG responsável pelo desenvolvimento, referiu que “hoje demos um passo em frente na nossa colaboração: com o BMW Group a ser pioneiro no campo da mobilidade elétrica e a Great Wall a ser um dos maiores e mais competentes figurantes da industrialização da China, juntámos esforços para desenvolver e produzir os futuros Mini totalmente elétricos e os modelos locais da Great Wall”. 

Já Nicolas Peter, membro do conselho de administração com o pelouro das finanças, destacou o interesse estratégico desta cooperação. “Esta cooperação chino-alemã, sublinha o nosso compromisso com a China e com o futuro elétricos dos modelos compactos Premium. Esta ‘joint venture’ vai nos permitir produzir mais veículos Mini totalmente elétricos com condições muito sedutoras no mercado mundial. Este é, também, um importante passo estratégico de eletrificação para a marca Mini. A união com a Great Wall, deixa claro a enorme importância que o mercado chinês tem para nós.”

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)