Daimler apresenta Vision Urbanetic Concept, um táxi totalmente autónomo

By on 18 Novembro, 2019

Foi durante a realização da CES (Consumer Eletronics Show) que a Mercedes revelou o seu primeiro táxi autónomo.

Curiosamente, esta revelação acontece alguns dias depois de Ola Kallenius, CEO da Daimler, ter atirado um balde de água gelada sobre o entusiasmo dos engenheiros da Mercedes, ao referi que iiria realizar um “reallty check” que é como quem diz, cortar nos gastos.

No mês de março, a Daimler tinha prometido que iria colocar nas estradas 10 mil táxis autónomos até 2021.Kallenius, na semana passada, como o AUTOMAIS fez eco, frefreiu o ímpeto e prefere concentrar esforços na condução autónoma para os camiões de longo curso.

Ou seja, todos os construtores começam a perceber que a condução autónoma será ainda mais complicada que a mobilidade elétrica. Até os grandes da indústria da eletrónica e serviços querem colocar para trás das costas esta ideia dos carros se conduzirem sozinhos.

Quanto ao “reallity check” que Ola Kallenius falou, tem toda a razão de ser: a Daimler está a cortar custos de forma vigorosa e isso não é compatível com investimentos de longa duração e capital intensivo, ainda por cima investimentos sem um objetivo claro e sem certeza de retorno. Tudo devido ao óbvio problema tecnológico que está a dificultar mais que o esperado o desenvolvimento da condução autónoma.

Assegurar que os carros autónomos não são uma ameaça para o trânsito citadino percebe-se, agora, que será um trabalho para mais que um par de anos. Por exemplo, os investigadores ainda estão a tentar perceber o que aconteceu no acidente envolvendo um carro sem condutor da Uber que matou um peão no Arizona, estando em espera várias investigações sobre vários incidentes envolvendo carros autónomos da Uber, felizmente sem fatalidades.

Por isso mesmo, todas as empresas que pensavam em lançar táxis autónomos vão adiar esses lançamentos e até as empresas como a Waymo estão na dúvida sobre o lançamento dos seus modelos autónomos. E o CEO da Waymo, uma subsidiária da Alphabet, Morgan Stanley, já veio dizer que a empresa vai lançar antes dos táxis autónomos as carrinhas de entregas em cidade com essa tecnologia.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)