E que tal um Toyota Supra com 500 CV?

By on 11 Julho, 2019

Pelo menos a BMW deixa um postigo aberto para fornecer à Toyota o bloco de seis cilindros que a marca bávara usa no X3 e X4 M e que irá parar ao M4.

O bloco de seis cilindros e 3 litros bem conhecido da BMW, recebeu amplas alterações e servirá de base para vários modelos M, nomeadamente, o M3 e M4, além de estar já instalado no X3 M e X4 M. E a BMW M deixa aberta a possibilidade de fornecer à Toyota esse mesmo motor para criar uma versão mais “apimentada” do Supra.

Claro está que é preciso que a Toyota esteja interessada e que faça o pedido à BMW, mas caso a casa japonesa queira, mesmo, fazer um Supra de 500 CV, será a primeira vez que um bloco da divisão BMW M seria vendido a um cliente e usado por outro construtor, desde que a marca bávara vendeu o bloco S70 V12 à McLaren para o F1.

Segundo declarações à revista inglesa Autocar, Markus Flasch, presidente da BMW M, não houve ainda manifestação de interesse da Toyota pelo bloco M e, claro, a BMW também não fez a oferta. Porém, nas palavras do responsável da divisão M, “seria interessante, mesmo que improvável por agora. Seria oferecer muito de nós. Porém, nunca podemos dizer… nunca.” Flasch lembrou que “como regra, nunca oferecemos motores M a outros construtores, pois consideramos um dos pontos fortes dos nossos carros. Por isso penso que seria uma decisão muito dura para a maioria da equipa aceitar esta decisão, olhando ao facto do novo motor (código S58, ndr) ser ainda muito recente. Faria sentido entregar já o motor a outro parceiro sem ter tirado partido dele nós próprios?” Talvez não faça, mas a verdade é que a porta ficou entreaberta.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)