Luca de Meo abandonou a Seat a caminho da Renault?

By on 8 Janeiro, 2020

O AUTOMAIS já lhe tinha dado a conhecer a vontade da Renault em contar com Luca de Meo para ocupar o cargo de CEO. Esta demissão com efeitos imediatos vai desbrava o caminho? 

A Seat, em comunicado, anunciou que Luca de Meo, deixou, com efeitos imediatos, o cargo de CEO da mara espanhola. Para o seu lugar entra o diretor financeiro, Carsten Isensee. Quanto a De Meo, manter-se-á no grupo Volkswagen. Em outro comunicado, o grupo VW clarifica a situação, anunciando que Luca de Meo deixou de ser o CEO da Seat a seu pedido e por mutuo acordo.

Naturalmente que todos acreditam que esta demissão do italiano, que estava a fazer um excelente trabalho à frente da Seat, em a ver com a oferta do cargo de CEO da Renault. A marca francesa disse que tinha uma “short list” de nomes para substituir Thierry Bollore no cargo de CEO. Cargo que agora é ocupado por Clotilde Delbos, a diretora financeira da casa francesa.

O grande problema será a rígida clausula de não concorrência que está no seu contrato, um obstáculo que será de maior ou menor dificuldade dependendo do tempo de nojo que De Meo tenha de cumprir após a saída da Seat. Não há ainda acordo para o tempo em que o italiano terá de ficar fora da esfera da Renault.

Nem o italiano nem a Renault comentaram, até agora, o caso, mas não parece ser possível que Luca de Meo assuma, já, o cargo de CEO da Renault, até pelo conhecimento que tem da estratégia do grupo VW.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)