Mercado nacional: setembro conhece subida de vendas, acumulado continua negativo

By on 2 Outubro, 2019

As 18 036 unidades vendidas no mês de setembro representam um crescimento de 8,9% face a igual período de 2018.

Porém, a análise a este resultado deve ser feita á luz do que sucedeu há 12 meses. Se todos se recordam, o mês de setembro de 2018 marcou a entrada em vigor da fase intermédia do protocolo WLTP, o que causou severa perturbação no mercado e uma queda acentuada das vendas. Ou seja, o crescimento de 8,9% face a 2018 não é real devido ao que referimos.

Contas feitas ao acumulado dos primeiros nove meses de 2019, o mercado nacional absorveu 206 550 carros novos, menos 3,9% face a igual período de 2018. Com este resultado, o mercado manteve o estado deprimido pelo oitavo mês consecutivo.

Olhando setor a setor, foram vendidos em Portugal, em setembro, 14 558 automóveis ligeiros de passageiros, ou seja, 13,9% mais que em igual período de 2018. Contas feitas, de janeiro a setembro, as matrículas de veículos de passageiros totalizaram 174 024 unidades, um recuo face a 2018 de 4,7%.

Entre os veículos ligeiros de mercadorias, o recuo foi de 13,7% (2 710 unidades), o que perfaz um total no acumulado entre janeiro e setembro de 28 156 unidades. Isso representa menos 0,3% face a igual período do ano passado. No que toca aos veículos pesados (que engloba os pesados de mercadorias e de passageiros), o mês de setembro assistiu a um crescimento de 19,6% face a setembro de 2018. Foram vendidos 768 veículos, totalizando o acumulado entre janeiro e setembro 4 370 unidades. Quer isto dizer que o mercado dos veículos pesados cresceu 8,1% face aos primeiros nove meses de 2018.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)