Mercedes revela Vision AVTR para revelar novas tecnologias no CES 2020

By on 7 Janeiro, 2020

O Consumer Eletronics Show (CES) de Las Vegas foi palco para a revelação do Vision AVTR, uma antevisão do que poderá ser a condução autónoma do futuro.

O Vision AVTR é a visão da Mercedes da transição de fabricante de veículos para fornecedor de experiências móveis. Foi isso que a marca alemã foi mostrar ao CES 2020. O modelo em causa foi a base para a Mercedes mostrar um conjunto de novas tecnologias e olhar para o futuro em termos de habitáculo de um veículo. A inspiração foi bebida no filme de Hollywood, “Avatar” e no palco do espaço Mercedes do CES, Ola Kallenius, o CEO da Daimler, e James Cameron cineasta vencedor de um Óscar, estiveram lado a lado na revelação do Vision AVTR.

A Mercedes diz que o veículo bebe inspiração nas criaturas do mundo virtual de Pandora e é um vislumbre de um futuro ainda longínquo onde o carro deixará de ser uma caixa em cima de quatro rodas para ser uma extensão do escritório ou da sala de estar de cada um.

Desenhado em forma de casulo, o interior envolve os ocupantes, diz a Mercedes, numa experiência imersiva onde o controlo do carro é deixado a cargo do computador de bordo e o interior oferece uma sobrecarga de realidade virtual. Não há um volante convencional, no seu lugar um dispositivo pequeno que serve de mecanismo de controlo. É esse mecanismo com pouco mais de 30 centímetros que controla o veículo e o ecrã curvado que faz de tabliê e de consola central.

O VIsion AVTR é uma nova forma de comunicação entre veiculo e ser humano. Por exemplo, os ocupantes podem manipular imagens no ecrã do painel que os rodeia com o toque da mão ou controlar funções através de uma projeção na palma da mão.

No exterior, a natureza voltou a ser inspiração e 33 elementos móveis multi direcionais colocados na traseira do modelo funcionam como “flaps” biónicos replicando as escamas dos répteis. Os eixos do Vision AVTR podem ser movidos na mesma direção ou em direções opostas o que permite ao veiculo andar de lado num ângulo de 30 graus.

As baterias do Vision AVTR prescindem do lítio, níquel e cobalto, em favor de água do mar e grafeno, com resíduos agrícolas co o bananas e cocos compostados! É, assim, neutro em dióxido de carbono. O custo da bateria é significativamente mais baixo e com 110 kWh, oferece uma autonomia de 700 km. Esta bateria não está disponível e segundo a Mercedes, daqui a 10 a 15 anos será possível.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)