Mercedes vai começar a produzir na China os modelos EQC, A35 AMG e o GLB

By on 2 Setembro, 2019

Com o objetivo de aumentar a quota de mercado na China, a Mercedes vai passar a produzir em cooperação com a BAIC novos modelos naquele país.

Aproveitando a sua “joint venture”, a casa de Estugarda vai produzir na China o SUV elétrico EQC, a versão de quatro portas do A 35 AMG e o novo GLB. Caso esta intenção vá por diante, o EQC será o primeiro SUV totalmente elétrico Premium a ser produzido localmente, o que será de grande ajuda nesse objetivo de aumentar a quota de mercado. Curiosamente, o A35 AMG será o primeiro modelo da AMG a ser produzido na China, enquanto que o GLB será o terceiro crossover, depois do GLA e do GLC, a ter produção naquele país.

Produzindo localmente, com a ajuda da BAIC, a Mercedes poupará milhões em taxas e estará a cumprir a legislação local que exige aos construtores estrangeiros aumentarem a sua oferta de veículos elétricos. Convirá lembrar que a Mercedes já produz na China versões alongadas do Classe A, Classe C e Classe E, na unidade fabril de Pequim em colaboração com a BAIC. Aliás, durante os primeiros seis meses de 2019, a casa alemã vendeu 282 mil unidades feitas localmente, isto sem falar da divisão de veículos comerciais com o Vito e o Sprinter a se juntar o Classe V. 

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)