Mercedes vai saindo dos salões e próxima “vítima” é o Salão de Nova Iorque

By on 4 Dezembro, 2019

Depois de ser um dos destaques dos certames morte americanos, sempre com novidades mundiais e espaços amplos, a Mercedes está a abandonar os salões um a um, sendo a mais recente “vítima” o Salão de Nova Iorque.

Este ano, a Mercedes apresentou o GLS no Salão de Nova Iorque, mas para o ano deverá estar ausente. Esta decisão está em linha com o que a maioria dos construtores têm estado a fazer, ou seja, deixando de estar presente nos salões automóveis internacionais. 

Lembramos que a Mercedes já tinha não se tinha feito representar nos salões de Chicago e Detroit e apenas Los Angeles ainda conta com a presença da Mercedes. Mas tal como irá suceder com Nova Iorque, também esse certame poderá perder a presença da casa de Estugarda. 

A Mercedes está focada na digitalização e na forma como se relacionar com os seus clientes, além da eletrificação. Nessa medida, a Mercedes está mais interessada em lançar os seus modelos através de canais não convencionais, para aumentar a imagem de marca e para trazer novos clientes. Com esta decisão, a Mercedes junta-se à BMW, que o ano passado também declarou ausência do salão de Nova Iorque.

Podem as marcas argumentar com muitas razões para estas ausências, mas tudo se resume às contas: os milhares de euros gastos nos espaços cheios de tecnologia, glamour e ofertas, não fazem sentido olhando ao peso que têm nas vendas. O modelo de negócio não se justifica, principalmente, quando todos os euros são essenciais numa época onde os balanços andam perigosamente próximo do vermelho.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)