Rússia decide apoiar mercado automóvel com 70 milhões de euros de incentivos

By on 29 Novembro, 2019

O Governo russo decidiu gastar 5 mil milhões de rublos (cerca de 71,8 milhões de euros) em 2020 a subsidiar a compra de automóveis novos.

Com esta medida, o executivo russo vai tentar acabar com a estagnação das vendas de automóveis naquele país. Numa medida anunciada através dos órgãos de propaganda da Rússia, pretendem os políticos evitar que um dos setores de atividade da economia russa entre, novamente, em declínio.

Segundo as previsões, o mercado na Rússia irá recuar 2,2% em 2019 para 1,76 milhões de unidades, consequência de uma economia a desacelerar e à redução do poder de compra dos russos. As vendas em outubro caíram 5,2% para 152 057 unidades e no acumulado de 10 meses, o recuo é de 2,4% para 1,42 milhões de unidades.Recordamos que a Rússia tem vindo, nos últimos anos, a apoiar a compra de carros novos através de vários programas que incluem compensações aos bancos para que estes baixem as taxas de juro no crédito automóvel. Curiosamente, esse programa ainda está em vigor, mas o Ministério das Indústrias e Comércio, liderado por Denis Manturov, ainda está em dívida com os bancos, pelo que apesar de estar em vigor, está á espera da realização do Governo. Agora, chega novo plano de 71,8 milhões de 

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)