Toyota apresentou o RAV4 Plug In Hybrid que estará à venda no segundo semestre

By on 15 Janeiro, 2020

O topo de gama RAV4 passa a ser este modelo com tecnologia híbrida Plug In que vai chegar ao mercado já no segundo semestre de 2020.

A Toyota não olhou a compromissos e o RAV4 Plug In Hybrid exibe cifras de elevado nível: o conjunto híbrido debita 306 CV, chegando dos 0-100 km/h em 6,2 segundos, oferecendo uma autonomia superior a 65 km e exibe emissões de CO2 de 29 gr/km.

O primeiro híbrido Plug In aplicado ao RAV4, junta-se ás duas versões híbridas convencionais e acabará por empurrar o motor a gasolina do RAV4 para a prateleira. Será o topo da gama da quinta geração do SUV da Toyota. Como referimos, o sistema é potente com 306 CV, as emissões baixas (29 gr/km) e o carro rápido. A plataforma é a mesma do RAV4, a GA-K, as baterias estão colocadas por baixo do piso do carro e possui tração integral graças ao sistema AWD-i, onde o motor elétrico está colocado no eixo traseiro, oferecendo assim a tração a todas as rodas.

O motor é o 2.5 litros a gasolina com ciclo Atkinson da família “Dynamic Force” e tem como base o motor do sistema híbrido convencional do RAV4. Há quatro modos de condução que permitem mudar, sem interrupções, entre condução híbrida e totalmente elétrica. Como dissemos, o modo EV consegue cobrir 65 km sem recurso ao motor de combustão interna, bem acima dos 50 km que, em média, os europeus cumprem por dia. O carro chega aos 135 km/h sem o auxílio do motor a gasolina, mesmo que carreguemos a fundo no pedal do acelerador.

A bagageira tem 520 litros e é marginalmente prejudicada pelas baterias e pelos sistemas de ligação e dos cabos se alta tensão. Para aumentar a eficiência, o carro está equipado com uma bomba de calor, a mesma do RAV4 Hybrid, enquanto que a bateria é arrefecida por líquido usado no ar condicionado. Para aquecer o interior, o sistema absorve o calor do ar vindo do exterior, sendo bem mais eficiente que um sistema de aquecimento através do motor.

No que toca à estética, a frente tem uma placa preta para a chapa de matrícula, extensões dos faróis e um novo revestimento metálico na parte inferior do para choques dianteiro. As jantes são novas de 18 e 19 polegada, enquanto que na traseira há uma nova placa metálica. No interior, não há grande diferenças, exceção feita aos padrões do banco com pespontos em linha vermelha contrastante, estando disponíveis estofos em pele. A consola central alberga o maior ecrã de um RAV4 com 9 polegadas. Esta versão Plug In terá equipamento específico consoante o nível, como bancos aquecidos, tomadas de energia de 230 volts, pintura bi-tom, portão traseiro de abertura e fecho elétrico elétrico, acesso e arranque mãos livres, tejadilho panorâmico, entre outras coisas. Mais tarde saberemos quando o modelo estará à venda e Portugal e qual o preço.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)