União Europeia aprova ajuda à Opel para fabricação de baterias

By on 9 Dezembro, 2019

A Opel e a empresa francesa produtora de baterias Saft, acabam de receber luz verde da União Europeia para receber fundos públicos alemães que vão financiar o fabrico de baterias na Alemanha.

As duas empresas têm como plano produzir células de baterias na fábrica de componentes da Opel em Kaiserslautern, no sudoeste da Alemanha. A União Europeia deu luz verde ao financiamento estatal, argumentando que a produção de baterias na Europa é de interesse estratégico. 

Contas feitas, a União Europeia aprovou medidas no valor de 3,2 mil milhões de euros para apoiar projetos de pesquisa e inovação no que toca à tecnologia das baterias em sete países membros: Alemanha, França, Itália, Bélgica, Finlândia, Polónia e Suécia.

Para a Opel, esta decisão permite-lhe acabar o projeto de investimento para esta plano de fabricar baterias “em casa”. “Os parceiros deste projeto podem, agora, olhar com atenção para a sua estrutura e tomarem uma decisão final esclarecida” refere a Opel em comunicado.

Recordamos que em setembro, Carlos Tavares, CEO do grupo PSA, tinha dito que o projeto estava dependente dos apoios que poderiam ser dados pelos estados alemão e francês, pois se não existisse esse apoio, seria um projeto sem futuro e consumidor de recursos.

Os 3,2 mil milhões de euros e fundos públicos vão desbloquear, acredita-se, mais de 5 mil milhões de euros de investimento privado, espera a Comissão Europeia.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)