Vendas da PSA recuam 10% em 2019 depois de ano recorde em 2018

By on 21 Janeiro, 2020

O PSA Group perdeu 10% de vendas em 2019 depois de um ano recordista em 2018.

Contas feitas, a PSA vendeu 3.49 milhões de veículos quando em 3,88 milhões de unidades, prejudicado pelo declínio de vendas na China, no Médio Oriente e em África.

No mercado europeu, as vendas da PSA caíram 2,5% em 2019 face a 2018, para 3,11 milhões, com a marca Opel/Vauxhall, que acabou com as vendas do Karl, do Adam e do Cascada, conheceu uma queda de 6,4%. 

Curiosamente, o aumento de vendas de veículos comerciais ligeiros permitiu que a PSA mantivesse a sua posição no ranking do Velho Continente, alcançando uma quota de mercado de 16,8% num mercado que subiu 1%. Em 2018, a quota foi de 17,1%. O grupo francês disse que 2019 seria o ano de consolidação da marca Peugeot, com a chegada do 208 e do 2008 a suportarem as vendas e a darem-lhe um crescimento este ano. A DS foi a única marca a aumentar vendas no global, com um crescimento de 17% para 62.512 unidades. A Peugeot caiu 16% e a Citroen recuou 5,1%.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)