VW Tarok apresentado no Brasil como protótipo

By on 6 Novembro, 2018

O palco para a revelação do VW Tarok Concept foi o Salão Internacional de São Paulo, Brasil, exibindo uma pick-up que será para vender globalmente com soluções diferentes do habitual.

A VW chama ao Tarok um protótipo, mas pelas imagens e pela conferência de Imprensa da marca alemã no dia de imprensa do Salão Internacional de São Paulo (pode ver o vídeo), fica evidente que o carro está na sua definição final e está pronto para entrar na produção em série. E a verdade é que a VW confirmou, através de fonte oficial, que o Tarok estará à venda no Brasil dentro de pouco tempo e que a versão final é, praticamente, igual. Fica por saber é a data de chegada do Tarok a outros mercados, nomeadamente, ao Velho Continente.

Isto porque o comunicado de imprensa do Tarik diz, claramente, que esta “pickup” avançada tem o potencial de aumentar as vendas da gama Volkswagen em outros mercados.”

A VW descreve no comunicado de imprensa o Tarok como o cruzamento de um SUV e uma pick-up de cinco metros, feito com inteligência e atenção às tendências atuais. Claramente a Volkswagen tentou reinterpretar o velho tema da “pickup” que pela chegada de marcas como a VW e a Mercedes, ganhou ímpeto. Mas, hoje, ninguém quer uma “pick-up old school”, ou seja, saltitante, desconfortável e muito semelhante á do agricultor ou construtor civil. Ora, é no mercado do lazer que a Volkkswagen quer inovar, oferecendo um SUV com formato de “pick-up”.

Isso é evidente no estilo onde a carroçaria e a caixa de carga são feitos numa só peça e a possibilidade de rebater o banco traseiro por baixo do óculo mostra como não há a tradicional divisão entre carroçaria e caixa de carga.

Depois, se olhar para a radiografia do carro, verá que tem todas as características de um SUV e não de uma “pickup”. Com esta variação na área de carga, o utilizador por expandir o comprimento da caixa de carga com o rebatimento das costas do banco ou com a abertura da tampa da caixa de carga. Com isto, o Tarok pode carregar cerca de uma tonelada de carga.

O interior do Tarok é moderno e inspirado nos SUV da marca alemã. Tudo o que se vê são comandos já definitivos e já vistos em outros modelos da VW. A barra a meio do tabliê colorida, faz a ligação à cor exterior. Como dissemos acima, a plataforma é a MQB, o que assegura um comportamento de qualidade. Os motores deverão ser os conhecidos do grupo VW, com o protótipo a usar uma unidade a gasolina, o 1.4 litros TSI com 150 CV, mas o 2.0 TDI deverá, certamente, figurar entre os motores a serem usados. Com o Amarok a mover rivalidade ao Mercedes Classe X, este Tarok seria um excelente complemento para a gama europeia de SUV com um modelo que é mais SUV e interessa a um maior número de clientes.

Deixe um comentário

Please Login to comment