VW vai financiar produção de baterias para persuadir fornecedores

By on 8 Julho, 2019

O esforço da VW sobre a mobilidade elétrica amaça tornar-se um pesadelo, estando o grupo alemão disposto a financiar a produção de baterias para contrariar o ceticismo dos fornecedores.

Segundo Stefan Sommer, responsável pelas compras na VW, o grupo alemão vai criar “joint ventures” e financiar a produção de baterias para que os fornecedores, ainda céticos, possam ajudar neste agressivo esforço para massificar os veículos elétricos.

Para já vai comprar o equivalente a 50 mil milhões de euros de baterias e identificou como parceiros estratégicos a Northvolt (Suécia), SKI, LG Chem, Samsung SDi (Coreia do Sul) e CATL (China).

Este esforço surge pela necessidade de convencer alguns fornecedores, como refere Sommer. “Nem todos os fornecedores estão convencidos que a mobilidade elétrica assumirá uma tão grande escala. Por isso, precisamos de gastar mais algum tempo e recursos para os convencer a investir mais na indústria automóvel.”

Segundo dados da própria VW, em 2025 a marca vai precisar de 150 gigawatt de produção de baterias na Europa e mais 150 gigawatts na Ásia. Cinco anos depois, vai precisar do dobro!

A VW está já a reformular 16 unidade de produção para a produção de veículos elétricos e o plano é fazer 33 modelos diferentes para as marcas Skoda, Audi, VW e Seat até meio de 2023.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)