Atenção à Nio. Crescimento de 146% no terceiro trimestre de 2020

By on 19 Novembro, 2020

A Tesla ficou conhecida por ser a primeira marca a dar um “abanão” na indústria automóvel ao apresentar veículos elétricos que ainda hoje são referência. Porém, de ano para ano a concorrência tem ficado cada vez mais forte, não só por parte dos fabricantes, ditos, tradicionais, mas também de novas marcas que estão a emergir como é o caso da Nio. A casa chinesa de elétricos voltou a mostrar resultados muito positivos no terceiro trimestre de 2020. De facto, os três modelos em comercialização registaram um volume de vendas de 12 206 unidades, distribuídas da seguinte maneira: 8660 unidades do ES6, 3530 unidades do ES8 e 16 unidades do EC6. Apesar de parecerem números algo contidos, mostram que a evolução da marca está a ser progressiva, principalmente quando percebemos que, comparativamente com o terceiro trimestre de 2019, cresceram 146,1% no número de vendas.

Para além disso, este trimestre registaram um lucro bruto de aproximadamente 73 milhões de euros. Apesar de um valor modesto, é preciso perceber que, no mesmo período em 2019 não tinham lucro, mas sim perdas, enquanto no segundo trimestre de 2020 o crescimento rondou os 40 milhões de euros. Ou seja, feitas as contas, em três meses a marca esteve muito perto de duplicar lucros, o que são número importantes para o crescimento da mesma. Apesar de tudo, antes de se “fazer a festa”, convém referir que estes valores ainda não foram auditados.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)