Fiat apresentou em Milão o 500e, apesar do foco grave de Covid-19 na cidade (c/vídeo)

By on 5 Março, 2020

O AUTOMAIS já lhe contou quase tudo sobre o Fiat 500e, modelo que se junta à crescente oferta de modelos citadinos com motorização elétrica.

O carro chama-se New 500, mantém o estilo retro que já faz parte do simbolismo do 500, juntando-se á gama do segundo modelo mais vendido no segmento na Europa. Isto porque a Fiat não vai tornar a gama 500 exclusivamente elétrica, sendo inteligente o suficiente para perceber que ainda vão existir muitos clientes que vão querer o 550 com motor térmico. Ou seja, o 500 vai continuar “enquanto existirem clientes para ele.” A Fiat desafiou o Covid-19 e apresentou o carro em Milão, uma das zonas mais contagiadas de Itália.

Para Olivier Francois, responsável pela marca Fiat e patrão do marketing da FCA, que “estamos aqui para dizer que estamos com Milão e com Itália!” Isto numa sala repleta de jornalistas equipados com máscaras e com cadeiras posicionada um metro entre cada uma. Como dissemos, o carro custará 37.900 euros em Itália (a versão base a gasolina começa nos 16 mil euros, em Itália), sem incentivos fiscais. Sobre isso, o responsável da Fiat lembrou que “o 500 não é um produto de massas, não é nem nunca foi o mais barato do segmento e na versão elétrica continuará a não ser.”

Em termos de dados, 320 km de autonomia em ciclo WLTP (400 em NEDC), tem um motor elétrico de 116 CV e uma bateria de 42 kWh. Chega dos 0-50 km/h em 3,1 segundos e 9 segundos dos 0-100 km/h, tendo a velocidade máxima limitada aos 150 km/h. Tem carregador de 85 kWh, oferece 50 km de autonomia em 5 minutos, mais do que uma utilização normal exige. 35 minutos são suficientes para recuperar 80% da carga. Com uma “wallbox” de 7,5 kWh, carrega em seis horas.

O carro é maior que o veículo a gasolina: 60mm no comprimento (3631 mm), 60 mm na largura (1687 mm), 20 mm na altura (1508 mm) e mais 20 mm na distância entre eixos (2320 mm). A Fiat vai vender, para já, na Europa e espera comercializar 80 mil unidades, tendo já entregue um fornecimento de 14 mil 500e para os 28 mercados europeus. A produção já arrancou em Mirafiori em Turim, as primeiras entregas começam em agosto.    

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)