Nissan Micra Kiiro 1.0 IG-T – Ensaio Teste

By on 9 Agosto, 2022

Tom de contraste

Apresentado e introduzido no mercado há cerca de cinco anos, o Nissan Micra continua a demonstrar que chegou num momento um pouco à frente do seu tempo. Ainda hoje, as suas linhas são atuais e a imagem de família continua a ser facilmente identificada perante alguns dos restantes modelos da gama. A grande desvantagem é que nestes últimos cinco anos, alguém carregou no ‘fast-forward’ do mundo automóvel, que está cada vez mais a evoluir a uma velocidade vertiginosa e quase fora de controlo. Mas mesmo assim, os detalhes da edição especial Kiiro ainda são capazes de captar alguns olhares.

Texto: André Mendes


Mais:

– Estética;
– Motor;
– Preço;

Menos:

– Equipamento antiquado;
– Espaço nos lugares traseiros;

Exterior

7/10

Se olharmos com um pouco mais de atenção para os traços da carroçaria do Micra, vamos descobrir ângulos e contornos que ainda hoje há poucas marcas a ter a audácia de colocar num modelo destinado a um segmento tão importante como o do Micra. E para realçar alguns deles, a versão Kiiro (palavra japonesa para amarelo), ainda adiciona elementos em amarelo limão na zona inferior de ambos os pára-choques e das portas laterais. Em conjunto com o ‘gunmetal grey’, que é a única cor disponível para a carroçaria nesta versão e com as jantes de 17 polegadas que também têm um tom mais escuro, o amarelo ganha ainda mais destaque, sendo que tudo resulta num conjunto bastante interessante. E para que ninguém se esqueça de que versão se trata, caso não tenha reparado nas peças em amarelo, o pilar traseiro também conta com uma decoração específica, com um padrão mais original e com o nome desta série especial.

Interior

5/10

A bordo do Micra nota-se de imediato que estamos no segmento dos utilitários, ainda que a posição de condução seja boa e o espaço disponível não seja dramaticamente acanhado, desde que as pessoas que viajam na frente não queiram viajar de pernas esticadas e com o assento todo para trás, caso contrário, os passageiros da fila traseira, vão-se queixar. Se não se queixarem do espaço disponível para as pernas, se calhar, vão criticar a pouca altura disponível, o facto de não terem um único espaço de arrumação disponível e de terem uma manivela na porta que os mais novos nem sequer sabem que se destina a abrir ou fechar o vidro. Em termos de imagem e estilo ficamos precisamente com a mesma ideia que temos do desenho da carroçaria, ou seja, no que diz respeito à estética, o Micra ainda se mantém atual, ainda que estejam presentes elementos mais de acordo com o que era habitual há cinco anos, quando este modelo chegou ao mercado.

Equipamento

5/10

No Micra Kiiro, encaixado mais ou menos a meio da gama, a chave ainda tem de sair do bolso e ser inserida na ignição, algo que começa a ser pouco habitual, e o ar condicionado é manual e não automático, ainda que estes dois equipamentos estejam disponíveis nas versões mais recheadas. E uma vez que o Micra já conta com cinco anos de mercado, ainda não é dos modelos que recebeu a receita que está agora na moda do painel de instrumentos digital e do enorme tablet no topo da consola central e que passa a agrupar muitos dos comandos que, normalmente, tinham um botão específico. Ainda assim, no Micra Kiiro, o painel de instrumentos tem um visor generoso no centro que nos mostra as informações do computador de bordo e o monitor central, que é tátil, permite o acesso ao Apple CarPlay ou ao Android Auto, que é a solução mais comum e a mais procurada nos dias que correm pela grande maioria dos condutores.

Consumos

5/10

O pequeno motor de três cilindros, com turbo e 92 cavalos de potência oferece um bom ritmo e desafia-nos a querer mais, o que não é nada compatível com as médias de consumo mais comedidas, muito menos com os 5,6 litros declarados pela marca como consumo misto para este modelo. No final do nosso ensaio, a média andava mais pelos 8,7 litros, mas sem grande meiguice, sempre com o ar condicionado ligado e com dias de um calor infernal. Numa utilização normal, e num trajeto misto, conseguimos um mais comedido valor de 6,8 litros.

Ao Volante

7/10

Dinamicamente, o Nissan Micra também parece um carro de um segmento acima. Em autoestrada é confortável e oferece uma boa estabilidade, enquanto em cidade é também o conforto que se destaca, em conjunto com a facilidade de condução de que lhe estávamos a falar na parte do motor. É claro que a palavra desportivo não faz parte do seu léxico, até porque a afinação da suspensão está mesmo mais vocacionada para destacar mais o conforto, mas a verdade é que o Micra não desilude neste campo.

Motor

6/10

Com menos de um litro de capacidade e apenas três cilindros, os 92 cavalos de potência e os 160 Nm de binário do Nissan Micra até parecem ser um pouco mais. Em cidade, é um utilitário despachado e reativo, com uma caixa de velocidades manual de cinco relações simples de utilizar. E em estrada, consegue manter um bom ritmo, mas longe de prestações mais incríveis. E o som dos três cilindros dão a entender que “lá à frente” há diversos pequenos componentes a trabalhar em bom ritmo para que o Micra não saia mal no desempenho.

Balanço Final

6/10

Não deixa de ser engraçado conduzir um modelo que já conta com cinco anos de mercado e que, é uma suspeita nossa sem qualquer fundamento, esteja prestes a conhecer um sucessor, depois de quase toda a gama da Nissan ter recebido novidades. Face à sua concorrência mais direta, apenas os gadgets são um pouco diferentes, porque de resto, o Micra ainda oferece uma dinâmica competente e um motor a condizer, sem exuberâncias e exageros, algo que, também caracteriza o seu preço ligeiramente acima dos 20 mil euros com a campanha que a Nissan tem disponível para clientes particulares. Mas atenção, a exclusividade deste Kiiro tem previstas apenas 100 unidades para o nosso mercado.

Concorrentes

Ford Fiesta ST-Line
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,3 l/100km; preço base: 22.209 €

Hyundai i20 1.0 T-GDi Style Plus
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,1 l/100km; preço base: 20.010 €

Opel Corsa 1.2 Turbo GS Line
Motor: três cilindros, 1.2 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,2 l/100km; preço base: 21.785 €

Peugeot 208 1.2 Puretech
Motor: três cilindros, 1.2 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,1 l/100km; preço base: 20.455 €

Renault Clio TCe 90 Evolution
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 90 cavalos; consumo médio: 5,2 l/100km; preço base: 21.130 €

Seat Ibiza 1.0 TSI FR
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 110 cavalos; consumo médio: 5,4 l/100km; preço base: 22.203 €

Volkswagen Polo 1.0 TSI Style
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 95 cavalos; consumo médio: 5,2 l/100km; preço base: 23.499 €

Ficha Técnica

Motor
Tipo: 3 cil., turbo, a gasolina
Cilindrada (cm3): 999
Potência máxima (CV/rpm): 92/5.500
Binário máximo (Nm/rpm): 160/2.250
Tração: Dianteira
Transmissão: Manual de cinco velocidades
Direção: Assistida eletricamente
Suspensão (ft/tr): Independente, tipo McPherson / Eixo de torção
Travões (fr/tr): discos ventilados / tambores

Prestações e consumos
Aceleração 0-100 km/h (s): 11,8
Velocidade máxima (km/h): 178
Consumos misto (l/100 km): 5,6
Emissões CO2 (g/km): 126

Dimensões e pesos
Comprimento/Largura/Altura (mm): 3.999/1.935/1.455
Distância entre eixos (mm): 2.525
Largura de vias (fr/tr mm): 1.510/1.520
Peso (kg): 1.082
Capacidade da bagageira (l): 300
Depósito (l): 41
Pneus (fr/tr): 205/45 R17

Preço da versão ensaiada (Euros): 21.709 €
Preço da versão base (Euros): 21.259 €

Exterior
Interior
Equipamento
Consumos
Ao volante
Concorrentes
Motor
Balanço final
Ficha técnica

Exterior

Se olharmos com um pouco mais de atenção para os traços da carroçaria do Micra, vamos descobrir ângulos e contornos que ainda hoje há poucas marcas a ter a audácia de colocar num modelo destinado a um segmento tão importante como o do Micra. E para realçar alguns deles, a versão Kiiro (palavra japonesa para amarelo), ainda adiciona elementos em amarelo limão na zona inferior de ambos os pára-choques e das portas laterais. Em conjunto com o ‘gunmetal grey’, que é a única cor disponível para a carroçaria nesta versão e com as jantes de 17 polegadas que também têm um tom mais escuro, o amarelo ganha ainda mais destaque, sendo que tudo resulta num conjunto bastante interessante. E para que ninguém se esqueça de que versão se trata, caso não tenha reparado nas peças em amarelo, o pilar traseiro também conta com uma decoração específica, com um padrão mais original e com o nome desta série especial.

Interior

A bordo do Micra nota-se de imediato que estamos no segmento dos utilitários, ainda que a posição de condução seja boa e o espaço disponível não seja dramaticamente acanhado, desde que as pessoas que viajam na frente não queiram viajar de pernas esticadas e com o assento todo para trás, caso contrário, os passageiros da fila traseira, vão-se queixar. Se não se queixarem do espaço disponível para as pernas, se calhar, vão criticar a pouca altura disponível, o facto de não terem um único espaço de arrumação disponível e de terem uma manivela na porta que os mais novos nem sequer sabem que se destina a abrir ou fechar o vidro. Em termos de imagem e estilo ficamos precisamente com a mesma ideia que temos do desenho da carroçaria, ou seja, no que diz respeito à estética, o Micra ainda se mantém atual, ainda que estejam presentes elementos mais de acordo com o que era habitual há cinco anos, quando este modelo chegou ao mercado.

Equipamento

No Micra Kiiro, encaixado mais ou menos a meio da gama, a chave ainda tem de sair do bolso e ser inserida na ignição, algo que começa a ser pouco habitual, e o ar condicionado é manual e não automático, ainda que estes dois equipamentos estejam disponíveis nas versões mais recheadas. E uma vez que o Micra já conta com cinco anos de mercado, ainda não é dos modelos que recebeu a receita que está agora na moda do painel de instrumentos digital e do enorme tablet no topo da consola central e que passa a agrupar muitos dos comandos que, normalmente, tinham um botão específico. Ainda assim, no Micra Kiiro, o painel de instrumentos tem um visor generoso no centro que nos mostra as informações do computador de bordo e o monitor central, que é tátil, permite o acesso ao Apple CarPlay ou ao Android Auto, que é a solução mais comum e a mais procurada nos dias que correm pela grande maioria dos condutores.

Consumos

O pequeno motor de três cilindros, com turbo e 92 cavalos de potência oferece um bom ritmo e desafia-nos a querer mais, o que não é nada compatível com as médias de consumo mais comedidas, muito menos com os 5,6 litros declarados pela marca como consumo misto para este modelo. No final do nosso ensaio, a média andava mais pelos 8,7 litros, mas sem grande meiguice, sempre com o ar condicionado ligado e com dias de um calor infernal. Numa utilização normal, e num trajeto misto, conseguimos um mais comedido valor de 6,8 litros.

Ao volante

Dinamicamente, o Nissan Micra também parece um carro de um segmento acima. Em autoestrada é confortável e oferece uma boa estabilidade, enquanto em cidade é também o conforto que se destaca, em conjunto com a facilidade de condução de que lhe estávamos a falar na parte do motor. É claro que a palavra desportivo não faz parte do seu léxico, até porque a afinação da suspensão está mesmo mais vocacionada para destacar mais o conforto, mas a verdade é que o Micra não desilude neste campo.

Concorrentes

Ford Fiesta ST-Line
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,3 l/100km; preço base: 22.209 €

Hyundai i20 1.0 T-GDi Style Plus
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,1 l/100km; preço base: 20.010 €

Opel Corsa 1.2 Turbo GS Line
Motor: três cilindros, 1.2 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,2 l/100km; preço base: 21.785 €

Peugeot 208 1.2 Puretech
Motor: três cilindros, 1.2 litros, turbo; potência: 100 cavalos; consumo médio: 5,1 l/100km; preço base: 20.455 €

Renault Clio TCe 90 Evolution
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 90 cavalos; consumo médio: 5,2 l/100km; preço base: 21.130 €

Seat Ibiza 1.0 TSI FR
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 110 cavalos; consumo médio: 5,4 l/100km; preço base: 22.203 €

Volkswagen Polo 1.0 TSI Style
Motor: três cilindros, 1.0 litros, turbo; potência: 95 cavalos; consumo médio: 5,2 l/100km; preço base: 23.499 €

Motor

Com menos de um litro de capacidade e apenas três cilindros, os 92 cavalos de potência e os 160 Nm de binário do Nissan Micra até parecem ser um pouco mais. Em cidade, é um utilitário despachado e reativo, com uma caixa de velocidades manual de cinco relações simples de utilizar. E em estrada, consegue manter um bom ritmo, mas longe de prestações mais incríveis. E o som dos três cilindros dão a entender que “lá à frente” há diversos pequenos componentes a trabalhar em bom ritmo para que o Micra não saia mal no desempenho.

Balanço final

Não deixa de ser engraçado conduzir um modelo que já conta com cinco anos de mercado e que, é uma suspeita nossa sem qualquer fundamento, esteja prestes a conhecer um sucessor, depois de quase toda a gama da Nissan ter recebido novidades. Face à sua concorrência mais direta, apenas os gadgets são um pouco diferentes, porque de resto, o Micra ainda oferece uma dinâmica competente e um motor a condizer, sem exuberâncias e exageros, algo que, também caracteriza o seu preço ligeiramente acima dos 20 mil euros com a campanha que a Nissan tem disponível para clientes particulares. Mas atenção, a exclusividade deste Kiiro tem previstas apenas 100 unidades para o nosso mercado.

Ficha técnica

Motor
Tipo: 3 cil., turbo, a gasolina
Cilindrada (cm3): 999
Potência máxima (CV/rpm): 92/5.500
Binário máximo (Nm/rpm): 160/2.250
Tração: Dianteira
Transmissão: Manual de cinco velocidades
Direção: Assistida eletricamente
Suspensão (ft/tr): Independente, tipo McPherson / Eixo de torção
Travões (fr/tr): discos ventilados / tambores

Prestações e consumos
Aceleração 0-100 km/h (s): 11,8
Velocidade máxima (km/h): 178
Consumos misto (l/100 km): 5,6
Emissões CO2 (g/km): 126

Dimensões e pesos
Comprimento/Largura/Altura (mm): 3.999/1.935/1.455
Distância entre eixos (mm): 2.525
Largura de vias (fr/tr mm): 1.510/1.520
Peso (kg): 1.082
Capacidade da bagageira (l): 300
Depósito (l): 41
Pneus (fr/tr): 205/45 R17

Preço da versão ensaiada (Euros): 21.709 €
Preço da versão base (Euros): 21.259 €

Preço da versão ensaiada (Euros): 21709€
Preço da versão base (Euros): 21259€