Aston Martin Valkyrie terá 1145 CV!

By on 22 Agosto, 2018

Desenvolvido em parceria com a equipa RedBull de Fórmula 1, o hipercarro Valkyrie vai chegar à produção – limitada a 175 unidades, 150 para a estrada, 25 para usar apenas em pista – e terá 1145 CV de potência extraídos do motor atmosférico V12 de 6,5 litros, feito pela Cosworth.

E foi a casa britânica de engenharia e motores quem, inadvertidamente, divulgou no Twitter os detalhes do motor. A Cosworth apressou-se a apagar a publicação, mas a revista Road and Track conseguiu captar todos os detalhes.

Com 1145 CV, o Valkyrie pode reclamar o título de automóvel com motor atmosférico mais potente do Mundo, deixando na sombra os 1000 CV do Mercedes AMG-One, ficando por saber o que o novo McLaren Speedtail com três lugares vai oferecer neste particular. Seja como for, a McLaren apressou-se a dizer que o modelo não busca a performance pura e o desempenho em pista, mas sim ser um hipercarro para ser usado diariamente.

Ora, como é que a Cosworth chega a um valor destes com um motor atmosférico? O segredo chama-se ERS, um sistema de recuperação de energia semelhante ao usado na Fórmula 1, que recolhe energia cinética da travagem. O motor estará ligado a uma caixa de velocidades feita pela Ricardo, conhecida empresa de engenharia e tecnologia britânica, que terá muitas semelhanças com as caixas da Fórmula 1. Será assim, com a ajuda do ERS e das baterias híbridas da Rimac, marca croata de veículos elétricos, que o motor chega aos 1145 CV.

O modelo já foi revelado a potenciais clientes – veja a fotogaleria abaixo – numa forma 90% definitiva. E Serena Williams, a tenista norte americana, já foi fotografada ao lado de um carro muito perto da definição final. O que falta no Valkyrie é a definição final da aerodinâmica, já que a Aston Martin, pela voz do CEO, Andy Palmer, veio dizer que o Valkyrie fará “uma volta a Silverstone tao rápido como um Fórmula 1”. Isso significa que o hipercarro da casa britânica irá gerar qualquer coisa como 1816 quilos de força descendente (downforce).

O carro deverá ser apresentado, oficialmente, em 2019 com um preço próximo dos 3,5 milhões de euros, sendo certo que a maioria das unidades já está vendida. Para mais tarde fica uma versão ainda mais “hardcore” do Valkyrie chamada Valkyrie AMR Pro. Mas isso só para 2020 e numa edição ainda mais restrita que se aproxima dos 5 milhões de euros.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)

Deixe um comentário

Please Login to comment