DS3 Crossback com motores a gasolina, diesel e elétrico

By on 14 Setembro, 2018

O AUTOMAIS já lhe tinha revelado (quase) tudo sobre o novo DS3 Crossback que foi apresentado à imprensa ontem. Aqui ficam as fotos e os detalhes que faltavam conhecer.

Outro dos destaques do Salão de Paris, o DS3 Crossback tem como objetivo ser concorrente direto do Audi Q2 e do Volvo XC40. É o segundo de uma ofensiva que verá chegarem ao mercado seis modelos até 2023. Significativamente, o primeiro foi o SUV DS7 Crossback, segue-se outro SUV, no caso este DS3 Crossback que é o primeiro a utilizar a plataforma modular comum do grupo PSA, a CMP, que será a base de todos os modelos pequenos da DS, Peugeot, Citroen e Opel. Neste grupo estão modelos como o novo Peugeot 208 e o Opel Corsa. Mas também o futuro Citroen C3 e o Ds que a casa francesa fizer para substituir o atual DS3 que terminará a sua já longa carreira no final do próximo ano.

O novo modelo será oferecido com motores a gasolina – 1.2 Puretech com 100, 130 e 155 CV extraídos do bloco de três cilindros sobrealimentado – com opção de caixa automática de oito velocidades e um motor diesel 1.5 litros com 100 CV. A variante elétrica utiliza uma bateria de 50 kWh que alimenta um motor com 135 CV com uma autonomia, ainda não certificada pelo protocolo WLTP, de 300 km (no ciclo NEDC era de 450 km). Chega dos 0-100 km/h em 8,7 segundos e uma velocidade máxima de 150 km/h. Esta versão elétrica tem as baterias alojadas onde nas outras variantes está o deposito de combustível e ainda no túnel central, não existindo nenhum constrangimento em termos de habitabilidade.

O DS3 tem 4118 mm de comprimento, 17891 mm de largura e 1534 mm de altura, bebeu inspiração no DS7 Crossback, enquanto as barbatanas de tubarão no pilar B lembram o DS3. Para provar que a DS está mesmo com ambições fortes, o carro tem tecnologia pouco habitual neste segmento, como os puxadores de portas embutidos e à face da carroçaria que deslizam para fora para abrir o carro, faróis matrix LED, portas sem borrachas á vista. O resto dos sistemas de segurança e de ajuda á condução, vêm do DS7 Crossback, incluindo o sistema de travagem autónomo de emergência que deteta peões à noite.

Com este DS3 Crossback de estilo que ou se adora ou se detesta e muita tecnologia de topo embarcada, a marca francesa espera recuperar vendas, algo absolutamente necessário pois em 2017, as vendas caíram 38,5% muito por culpa, é verdade, do mercado chinês.

Deixe um comentário

Please Login to comment