8 dicas para evitar a desvalorização de um automóvel

By on 29 Maio, 2018

Dizer que um automóvel começa a desvalorizar desde que deixa o stand é um clássico. De facto é verdade, mas durante o seu percurso de vida há cuidados de utilização a ter para preservar o mais possível o seu valor de mercado. Nesse sentido, deixamos 8 dicas sobre procedimentos a ter durante e na hora de vendermos um veículo, a fim de garantirmos que apresenta a melhor cotação possível. Conheça-as em baixo.

André Duarte

Aspeto exterior: pode parecer óbvio, mas o impacto visual é o primeiro que nos faz poder querer um veículo ou desistir dele. Uma carroçaria cuidada e uma pintura a rigor só nos vai fazer ganhar pontos;

Jantes e pneus: são também um pormenor a ter em conta. Se estiverem em excelente estado só vão fazer sobressair o conjunto. No caso dos pneus, se quisermos vender um modelo e estes estiverem em boas condições, só vão valorizar o veículo, porque o futuro proprietário fica ausente de uma despesa acrescida além da compra inicial;

Inspeção e seguros: a documentação em dia é o selo de qualidade de que o veículo está em plenas condições para circular assim que o adquiramos, o que aumenta a confiança em quem pense numa possível compra;

Quilómetros/anos: é uma relação sempre a ter em conta. Naturalmente que quando adquirimos um veículo é para com ele circular, mas quanto mais anos ele tiver com o menor número de quilómetros só sairá a ganhar o seu proprietário na hora de o vender;

Revisões na marca: são uma chancela de qualidade. Se o modelo tiver sido sempre assistido na marca, este ‘detalhe’ só irá subir a sua cotação, fruto de ter sido acompanhado sempre por quem melhor sabe;

Interior: o bom estado geral do interior é também um indicador do cuidado ou não para com a utilização do modelo. Estofos imaculados e plásticos conservados provam o zelo que o seu proprietário teve na preservação do veículo;

Extras: um modelo munidos de extras, seja em maior em menor número, só acrescenta valor a si próprio, dado garantir ao seu proprietário pormenores e funcionalidades de que o modelo de série carecia. Numa venda, é algo que irá satisfazer os futuros proprietários;

Revisão e lavagem final: mas por muito bom que o nosso veículo esteja, é aconselhável fazermos uma última revisão e lavagem – interior/exterior –, a fim de garantirmos que tudo está nas devidas condições e de que apresentarmos o seu melhor eu aos possíveis futuros clientes;

 

 

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!