Acionistas do grupo Volkswagen exigem que a Bentley seja lucrativa

By on 10 Janeiro, 2019

Quando não há pão, todos ralham e ninguém tem razão, diz o povo na sua infinita sabedoria e dentro do grupo Volkswagen, começa-se a procurar onde anda o desperdício. A Porsche SE e Ferdinand Piech não estão satisfeitos com a performance da Bentley e já avisaram que querem mudanças… rápido!

Segundo o Automotive News Europe, Wolfgang Porsche e Hans Michel Piech deram dois anos à Bentley para se transformar numa empresa lucrativa, declinando, porém, desvendar o que sucederá se a Bentley não entrar no verde até 2021.

Numa entrevista ao Frankfurter Allgemeine Zeitung, Wolfgang Porsche defendeu que “o mais importante para todas as marcas do grupo VW é gerar uma razoável contribuição para a margem de lucro total. E, neste momento, não é esse o caso da Bentley e, claro, não estamos satisfeitos.” Hans Michel Piech, porta voz da família Piech, lembrou que “não podem ser mais de um ou dois anos para a Bentley entrar nos números positivos.”

Se olharmos para o último relatório financeiro do grupo Volkswagen, a Bentley perdeu 137 milhões de euros nos primeiros nove meses de 2018, uma inversão total do que aconteceu em igual período de 2017, quando a bventley experimentou um ligeiro lucro. Razões para isso estão na depreciação da Libra, a indecisão do Brexit e o insucesso do Continental GT. Apesar de tudo isto, Adran Hallmark, o CEO da Bentley, acredita que a marca pode regressar aos lucros já no final de 2019.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)

Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)

Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)

Deixe um comentário

Please Login to comment