Agosto foi positivo em termos de vendas, com os elétricos em destaque

By on 2 Setembro, 2022

Vendas de automóveis no nosso mercado continuam com gráfico descendente, ainda que os números registados em agosto tenham sido positivos e os elétricos estejam cada vez mais em destaque.

A ACAP já divulgou os valores registados no passado mês de agosto em termos de vendas de automóveis, ligeiros e pesados. No primeiro caso, e apenas no mês de agosto, os quase 12.800 novos automóveis matriculados (passageiros e mercadorias) representam uma subida acima dos 30 por cento face ao mesmo mês no ano passado, ou mesmo de 42,4% se nos restringirmos aos ligeiros de passageiros. E no que diz respeito a veículos pesados, os números são bem menos expressivos, mas a subida ascende aos 93% para a mesma comparação mensal. Em contrapartida, nos valores acumulados desde o início do ano, o sinal negativo continua presente, com um total de unidades matriculadas 2,8% abaixo do mesmo período, mas em 2021.

Em termos de energias utilizadas, as alternativas estão prestes a alcançar uma quota de mercado muito próxima da registada pelas motorizações a gasolina, com valores em torno dos 40 pontos percentuais, mas por entre as mais variadas soluções disponíveis nesta categoria, os veículos híbridos – HEV – ainda continuam a registar a percentagem mais elevada (16%), seguidos dos totalmente elétricos – BEV – com 9,9% e dos híbridos plug-in – PHEV – Com um 9,6%.

Na competição entre marcas pelos melhores valores e quota de mercado, e apenas no que diz respeito aos automóveis ligeiros de passageiros, é a Peugeot que se mantém na frente, com um total de 11436 unidades matriculadas desde o início deste ano, seguida da Renault e da Mercedes-Benz, com valores muito aproximados entre as duas. Já no que diz apenas respeito às vendas registadas no mês de agosto, é novamente a Peugeot que encontramos no lugar mais cimeiro do pódio, igualmente seguida pela Renault e pela Mercedes-Benz, sendo que estas três marcas registaram números mais elevados do que os do ano passado, com a Peugeot a duplicar as vendas e a adicionar mais uns quantos automóveis a este valor.

As maiores variações em termos de percentagem pertencem à Alfa Romeo e à Cupra, mas também a marcas como a Fiat, a Ford e a Opel. Como curiosidade e para os mais apaixonados pelos modelos mais desportivos, podemos ainda referir que o passado mês de agosto assistiu à matriculação de duas novas unidades da Ferrari, mais duas da Lamborghini e duas da Aston Martin. A Porsche somou 42 novas matrículas.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)