Bugatti Chiron Super Sport regista 1.618 cavalos no teste de potência

By on 19 Maio, 2022

A Bugatti levou o seu Chiron Super Sport a um banco de potência com o objetivo de descobrir o valor exato que se consegue extrair o motor W16 de oito litros.

Apesar de ainda se encontrar em produção, todas as unidades do Bugatti Chiron já têm os seus proprietários definidos. Mas isso não quer dizer que a marca deixe de o testar e de explorar da melhor forma possível. Um dos testes mais recentes levou um Chiron Super Sport a um banco de potência com o objetivo de descobrir quantos cavalos inclui o motor 8.0 W16.

Segundo os valores declarados pela Bugatti, o seu Chiron Super Sport conta com 1.600 Nm de binário máximo e 1.600 cavalos de potência. Consegue alcançar os 440 km/h de velocidade máxima, ainda que já tenha superado este valor em cerca de 50 km/h num recorde de velocidade batido em 2019.

O banco de potência de elevado desempenho utilizado para este teste conta com quatro enormes rolos em vez dos tradicionais dois, cada um deles com 720 quilos de peso, sendo que podem ser simuladas velocidades até 480 km/h. Mesmo em frente está um enorme ventilador com um rotor com quase dois metros de diâmetro que fornece a corrente de ar necessária para arrefecer o carro. Para que o Chiron não saia do seu lugar, foi também aparafusada uma placa de carbono à zona inferior do chassis, que é fixa ao piso com correntes que aguentam uma força de 24 toneladas.

E depois de tudo isto, dois engenheiros sentam-se no veículo durante os testes, aceleram o Bugatti Chiron Super Sport e ajustam o dinamómetro para conseguir a simulação desejada. Binário máximo de 1.600 Nm, potência total de 1.618 cavalos e uma velocidade máxima de 440 km/h exigem atenção total em todos os momentos, mesmo num dinamómetro.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)