Comprar carro, novo ou usado? Saiba a preferência dos portugueses…

By on 17 Fevereiro, 2017

A dúvida é legítima mas a resposta certamente não será do agrado das marcas de automóveis. Na hora da compra, a maioria dos portugueses prefere adquirir um automóvel usado que um novo. Porquê? A resposta é simples, o preço. Na opinião de 92% dos portugueses, as viaturas são consideradas caras, uma perspetiva que é partilhada pela esmagadora maioria dos condutores nos países incluídos no mais recente estudo do Observador Cetelem.

Entre os portugueses que nos próximos dois anos prevêem comprar um carro, 55% apontam a um veículo usado. Ironicamente, 51% dos automobilistas estão dispostos a gastar mais do que a quantia que despenderam no veículo atual e 40% assume que pagaria uma quantia acima do razoável para adquirir um veículo de maior qualidade. Um estudo que mostra que os automobilistas estão dispostos a investir no sector automóvel, mas o preço de comercialização de veículos novos fá-los colocar de lado a opção por um carro novo.

A opinião é corroborada por Pedro Ferreira, diretor da área automóvel do Cetelem: “Um dos motivos que pode levar os portugueses a optar por automóveis em segunda mão é o preço dos que são vendidos novos, já que quase a totalidade dos condutores diz que estes são caros. Nos últimos cinco anos, o aumento dos preços médios dos veículos novos na Europa, ainda que com menor expressão em Espanha e Portugal devido à conjuntura económica, também pode levar os condutores optar pela compra em segunda mão.”

Mercados de tendência inversa 

Os países onde os habitantes estão mais predispostos a gastar mais para comprar um bom veículo são: China (93%); Turquia (71%); Brasil (66%); Polónia (62%). Curiosamente, são também os polacos que têm maior intenção de comprar um veículo usado (64%), seguidos pelos portugueses (55%), enquanto a média global se situa nos 33%. A escolha de veículos novos é especialmente evidente no caso dos chineses e dos japoneses, com 99% e 88% a preferirem esta opção, respetivamente.

Nota Observador Cetelem: As análises e previsões deste estudo foram realizadas em colaboração com a empresa de estudos e consultoria BIPE (www.bipe.com). Os inquéritos quantitativos aos consumidores foram conduzidos pela TNS Sofres, em junho de 2016, em quinze países – África do Sul, Alemanha, Bélgica, Brasil, China, Espanha, Estados Unidos da América, França, Itália, Japão, México, Polónia, Portugal, Reino Unido e Turquia. No total, foram inquiridos mais de 8.500 proprietários de automóveis.

 

 

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)