Quais as marcas mais fiáveis em 2023? Lexus, Suzuki e Subaru no top 3
LBX Morizo RR é um ‘concept’ de alto desempenho do novo crossover da Lexus

Concept LF-ZC aponta o rumo para o futuro BEV topo de gama da Lexus

By on 26 Outubro, 2023

A Lexus vai aproveitar o Salão de Mobilidade do Japão para a estreia mundial da próxima geração de dois “Concept Cars” elétricos a bateria (BEV). O LF-ZC, uma berlina, antecipa um novo modelo de produção com lançamento previsto para 2026 e que pode rivalizar com o BMW i4, enquanto o LF-ZL apresenta a futura visão da marca para o seu conceito topo de gama de SUV elétrico a bateria. 

Sob o mote “Ultrapassando os Limites da Experiência Eletrificada”, a Lexus faz a partilha sobre como pretende maximizar as oportunidades oferecidas pela eletrificação e pelas novas tecnologias, de forma a proporcionar novas experiências de mobilidade. 

Na Europa, o objetivo da Lexus é ser uma marca de veículos elétricos a bateria até 2030, mundialmente, a previsão é para 2035. Para atingir este objetivo, vai introduzir uma estrutura de veículo modular completamente nova, adotar novas tecnologias de ponta na produção e rever totalmente o software da plataforma usada para os seus veículos.

A próxima geração de modelos BEV Lexus será mais versátil graças à redução das dimensões e do peso de todos os seus componentes estruturais, garante a marca.
O LF-ZC representa a jornada de eletrificação da Lexus, com as suas proporções elegantes, centro de gravidade baixo, habitáculo espaçoso e um design carregado de emoção que combina funcionalidade e estética, enquanto promete uma experiência de condução emocionante.

O conceito SUV, Lexus LF-ZL oferece um vislumbre de um futuro onde mobilidade, indivíduos e sociedade podem estar perfeitamente integrados. A experiência de condução será adaptada a cada indivíduo, o veículo capta os hábitos do condutor e fará sugestões personalizadas para promover uma nova interação. Ambos os modelos apresentam um cockpit totalmente digital e inteligente, de próxima geração, que fornece acesso rápido e intuitivo aos controlos essenciais, num ambiente de condução envolvente. O novo software de interface Arene OS permitirá a atualização progressiva de recursos, de forma a acompanhar a evolução dos sistemas de segurança e as funções multimédia.

A Lexus vai adicionar o controlo contínuo e suave do sistema de tração integral DIRECT4 (como apresentado no atual RZ 450e) e a sensação intuitiva e linear de um sistema steer-by-wire nos dois “concept”.
O Conceito Bamboo CMF foi apresentado neste salão para ilustrar os esforços dos objetivos de desenvolvimento sustentável da Lexus, centrando-se na utilização circular de recursos e, ao mesmo tempo, proporcionando aos clientes uma nova experiência, num design luxuoso e sofisticado. Em linha com essa filosofia da Lexus, o bambu é o material de assinatura no “concept car”, um exemplo do compromisso da marca com a reciclagem eficiente de valiosos recursos naturais. Foram utilizadas diferentes técnicas para incorporar o bambu no design do Conceito CMF, de forma a alcançar um novo nível de luxo e beleza. Por exemplo, as fibras e os tecidos de bambu são usados como elementos decorativos que interagem com a luz ambiente.

A próxima geração de BEV da Lexus contará com uma nova estrutura modular que divide a carroçaria do veículo em três partes: dianteira, central e traseira. Isso será possível através do gigcasting, processo que proporcionará maior liberdade de forma. Entretanto, a integração das peças aumentará a rigidez, contribuindo para uma dinâmica linear e natural do veículo.
A localização da bateria na seção central evita o efeito estrutural na dianteira e na traseira. Permite, ainda, a integração simples de avanços na tecnologia de baterias, tornando o desenvolvimento futuro mais ágil.

O LF-ZL aponta para um futuro modelo topo de gama da Lexus, com um habitáculo espaçoso e relaxante. Ao aproveitar todas as capacidades do Arene OS, a Lexus estabelecerá uma integração avançada de informações que aprende e antecipa as necessidades do condutor, resultando numa experiência de mobilidade personalizada. Através da Realidade Interativa em Movimento, os sensores integrados funcionam em conjunto com dados digitais em torno do carro. Por exemplo, quando os condutores apontam para objetos ou locais de interesse durante a viagem, o ecrã do automóvel fornece prontamente informações juntamente com orientação por voz, melhorando a ligação interativa entre as pessoas e os seus automóveis.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)