Condutores portugueses mais interessados em ter carro pessoal após a pandemia, afirma estudo

By on 17 Junho, 2021

A Pandemia de covid-19 veio alterar os hábitos de mobilidade dos portugueses. De facto, aumentou a utilização de carro pessoal em detrimento de transportes públicos, muito por questões de segurança. Segundo conta o estudo Barómetro da Mobilidade, levado a cabo pela CarNext, esta tendência deve manter-se no “pós-pandemia”. Após inquérito, a investigação concluiu que o interesse por viatura própria aumentou, com 76% dos condutores portugueses a afirmarem que pretendem continuar a utilizar carro pessoal depois da pandemia, um ponto percentual acima da média europeia.

“Em Portugal, a percentagem de condutores que considera o automóvel o seu meio de transporte principal cresceu até aos 86%. Por outro lado, 48% dos inquiridos afirmam que, por causa da pandemia, passaram a preferir ter carro próprio, contra os 9% que dizem ser menos a favor de ter carro. Entre os países que participaram no estudo, os portugueses não foram os que revelaram maior interesse em adquirir um carro particular, com a Espanha e a Itália a atingirem os 57%”, afirma o estudo.

Deacordo comLuís Lopes, Managing Director da CarNext em Portugal, “este estudo veio confirmar o interesse consumidores na aquisição de viatura própria, e na vontade de voltar a conduzir o seu carro ao entrarmos na nova normalidade. Além disso, também mostra que a pandemia desencadeou em toda a Europa um maior interesse pelo transporte próprio, com metade dos participantes no inquérito a manifestar esta tendência.”

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)