Conheça tudo sobre o novo Volkswagen Golf

By on 10 Novembro, 2016

A Volkswagen apresentou um profundo restyling do Volkswagen Golf. Sem lhe chamar ainda a ‘oitava geração’, o bestseller alemão foi alvo de uma remodelação a vários níveis, com novos motores, novas formas de conectividade e novos sistemas de segurança ativa e passiva, que apontam para o futuro da mobilidade autónoma. A carrinha Golf Variant e os desportivos GTI e GTE chegam ao mercado em simultâneo, e o elétrico Golf E vai ser mostrado ao público na próxima semana.

Em termos visuais, embora isto seja um restyling, o Golf permanece facilmente reconhecível. A principal modificação estética é a introdução de novos faróis diurnos em LED, que são de série nas versões melhor equipadas. Na traseira, as luzes em LED são de série, com um novo tipo de pisca. Pela primeira vez neste segmento, os radares e sensores que estão ligados aos sistemas de assistência de estacionamento, cruise control adaptativo, detetor de peões e travagem de emergência já não estão visíveis nos para-choques.

No interior, o Golf ganha novos painéis decorativos nas portas, nos instrumentos e na consola central, bem como novas cores para os bancos. O painel de instrumentos adota o mesmo sistema de cockpit virtual, com toda a informação apresentada digitalmente, em duas ou três dimensões. O GTI e o GTE têm gráficos diferenciados. A Volkswagen também estreia uma nova geração do sistema de comandos Discover Pro, com um ecrã de 9,2 polegadas que agrupa todas as funções de informação, entretenimento e climatização, e cujos comandos podem ser ativados por toque, voz ou reconhecimento de gestos.

Este sistema é o topo de gama da linha de sistemas de entretenimento. Outras hipóteses de personalização para tornar a vida a bordo mais fácil incluem a aplicação Media Control, com ligação para tablets, hotspot de WiFi, conectividade para smartphones Apple e Android, e os sistemas de segurança, assistência em viagem e localização de serviços Security & Service e Guide & Inform.

O Golf ainda não se conduz sozinho em condições normais, mas a tecnologia de condução autónoma já se começa a ver. Em particular, o carro já consegue circular sozinho a baixa velocidade em filas de trânsito, e também efetua manobras para parar sozinho, mudando até de faixa se for necessário, com a assistência de emergência, detetando quando não existem movimentos no volante, travão e/ou acelerador. O cruise control adaptativo já trabalha em conjunto com a assistência de mudança de faixa e já está disponível assistência de parqueamento com reboque.

A gama de motores é profundamente remodelada, com o anterior 1.4 TSI a dar origem a um novo 1.5 TSI, que combina injeção direta de gasolina com um turbocompressor e com tecnologia de desativação de cilindros, funcionando só com dois cilindros em modo de cruzeiro. Estão disponíveis duas variantes, com 130 ou 150 cv, e consumos médios de 4,6 e 4,9 l/100 km. No Golf GTI, a potência das duas variantes sobe de 220 e 230 cv para 230 e 245 cv. Finalmente, a caixa DSG de seis velocidades vai ser retirada de cena progressivamente, com a transmissão de dupla embraiagem sempre disponível com sete relações no futuro.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)