Fábrica de Hordain produz veículos a hidrogénio, elétricos e com motor de combustão

By on 28 Outubro, 2022

A fábrica do Grupo Stellantis situada em Hordain, no norte de França, é anunciada como a primeira fábrica do mundo a produzir em simultâneo, veículos comerciais movidos a hidrogénio, elétricos e com motores de combustão.

A fábrica do Grupo Stellantis de Hordain, na região norte de Hauts-de-France, recebeu a visita do seu CEO, Carlos Tavares, que anunciou o início da produção em massa de veículos comerciais ligeiros da Peugeot, Citroën e Opel, numa versão alimentada a hidrogénio e equipada com tecnologia de pilha de combustível.

Estou muito orgulhoso do trabalho realizado pela direção e pelos nossos colaboradores em Hordain, que tornaram a sua fábrica na primeira a nível mundial a combinar três tipos de energia, o que foi possibilitado pela flexibilidade do nosso sistema de fabrico. O anúncio de hoje demonstra o empenho da Stellantis em investir em França nas tecnologias mais recentes e em apoiar a mobilidade com baixas emissões de carbono com base no princípio ‘One Company’“, declarou Carlos Tavares. “A Stellantis conseguiu avançar para o próximo passo na história automóvel, numa transição gerida em conjunto com os nossos parceiros sociais nas nossas 12 instalações industriais em sete regiões francesas, onde nos orgulhamos de ter lançado raízes históricas“.

Na sua fase inicial, a produção será efetuada precisamente da mesma forma que é feita atualmente, mas depois das zonas de pintura e montagem, as unidades destinadas a receberem os sistemas de hidrogénio, são “desviadas” para uma nova área, onde será efetuada a instalação deste sistema. Nesta zona, uma equipa dedicada instalará o depósito, as baterias adicionais e a pilha de combustível, conseguindo um tempo de ajustes muito mais reduzido (cerca de metade) do que foi testado inicialmente em Rüsselsheim.

Os veículos “K-Zero” com pilha de combustível destinam-se a profissionais de distribuição de longa distância que necessitam de uma autonomia superior (400 km), de um tempo de carregamento o mais curto possível (3 minutos), sem comprometer a capacidade de carga (1.000 kg de carga útil). Criada em 2021, a Stellantis é o primeiro fabricante do mundo a comercializar este tipo de veículos.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)