Fábricas Fuel-Flex da Mercedes vão produzir todo o tipo de modelos

By on 8 Maio, 2017

A Mercedes-Benz acredita que a sua futura família EQ de veículos elétricos pode representar de 15% a 25% das suas vendas em 2025. Por questões de custos, a produção dos modelos EQ será integrada nas mesmas linhas de montagem dos veículos com motores de combustão que tenderão a substituir gradualmente, explicou em entrevista à Automotive News Europe, Markus Schaefer, responsável pelas áreas da produção e abastecimentos da Mercedes-Benz.

Com exceção das plataformas e dos sistemas de propulsão, a maioria dos componentes de um veículo, como os faróis, os sistemas de informação e entretenimento e de ajuda à condução, entre muito outros, podem ser partilhados por diferentes modelos. A Mercedes-benz já batizou estas fábricas capazes de produzir modelos com vários tipos de propulsores como Fuel-Flex Plants.

Este novo sistema de linhas de produção flexíveis poderá até permitir a montagem de SUV em paralelo com carroçarias mais convencionais e com todos os sistemas de tração. Embora cada fábrica continua a ter os seus modelos dedicados, este sistema permitirá também que cada uma das unidades possa produzir qualquer dos modelos da marca, satisfazendo eventuais picos de procura.

Álvaro Mendonça

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)