FCA perdeu 8,7 milhões de dólares porque um vendedor dava “descontos de família”

By on 3 Maio, 2021

De acordo com uma investigação, citada pela Automotive News, um vendedor é responsável pela perda de 8,7 milhões de dólares em vendas da FCA. Desde 2014, o vendedor beneficiou milhares de clientes que afirmam ter alguma relação familiar com o homem, visto que o mesmo utilizava de forma ilícita os descontos familiares facultados pelo concessionário Parkway Chrysler-Dodge-Jeep-RAM.

De acordo com o processo, o homem utilizava o código de desconto restrito que, segundo o descoberto pela Segurança Interna, eram vendidos em Grupos de Facebook. Assim, o vendedor oferecia descontos a pessoas aleatórias que alegavam ser cunhadas ou cunhados do homem. Tendo em conta que ele era o utilizador número 1 deste desconto, para além do salário base, recebeu mais de 700 mil dólares em bónus dados pela FCA graças aos seus números de vendas!

Por fim, o vendedor foi descoberto pelos funcionários da FCA que perceberam que os códigos de desconto estavam a ser utilizados sem o seu consentimento, o que levou à investigação. Só em janeiro de 2020 o vendedor foi responsável por um total de 250 unidades. A título de curiosidade, o homem sozinho superava as vendas de alguns concessionários inteiros.

Fonte: Automotive News

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)