Ford com lucro líquido de 1.1 mil milhões de dólares, mas alerta para prejuízos no final de 2020

By on 31 Julho, 2020

O investimento da Ford na empresa Argo AI já está a dar dividendos, permitindo à casa da oval azul registar um lucro de 1.1 mil milhões de dólares (927 milhões de euros).

Este retorno do investimento na aquisição de 40% do capital da Argo AI só foi possível porque a Volkswagen AG comprou, igualmente, 40% do capital (2,1 mil milhões de euros). Ora, esse investimento está, agora, avaliado em 7,5 mil milhões de dólares, o que ajudou a valorizar a parcela da Ford. 

Tudo isto permitiu que o valor das ações da casa de Detroit subisse 2,5%, o que contribuiu, também, para o excelente resultado da Ford. E no meio da tormenta, a Ford pagou 7,7 mil milhões de dólares das linhas de crédito renováveis pendentes no valor total de 15,4 mil milhões de dólares. Com este pagamento, a Ford ampliou 4,8 mil milhões de dólares estas linhas de crédito renováveis a cada três anos.

Apesar de tudo isso, a casa da oval azul acabou o primeiro semestre com 40 mil milhões de dólares de liquidez (espera manter o “cash flow” sempre acima dos 20 mil milhões até ao final de 2020 aconteça o que acontecer) e, contas feitas, o lucro líquido no segundo trimestre foi de 1.1 mil milhões de dólares, ou seja, 28 cêntimos de dólar por ação, enquanto em igual período de 2019, o lucro foi de 100 milhões de dólares, cerca de 4 cêntimos de dólares por ação. Porém, excluindo todos os items, a Ford registou uma perda operacional de 1,9 mil milhões de dólares, 35 cêntimos de dólar por ação, quando se esperava uma perda de 1,17 dólares por ação.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)