Ford Europa contribui para o desenvolvimento da primeira versão diesel da pick-up F-150

By on 12 Janeiro, 2018

A partir do final deste ano o novo motor diesel Ford Power Stroke de 3,0 litros, fabricado pela Ford Europa, vai permitir alcançar os melhores valores da classe em termos de binário, capacidade de reboque e capacidade de carga aos clientes da pick-up F-150 nos EUA.

Motor Ford Power Stroke 3.0 l

Montado na Fábrica de Motores de Dagenham da Ford, no Reino Unido, o primeiro propulsor diesel de sempre montado na best-seller F-150 desenvolve 253 cavalos de potência e 596 Nm de binário na sua especificação para os EUA, mais do que qualquer outra pick-up diesel do seu segmento.

O binário máximo está disponível a partir das 1.750 rpm, contribuindo para a capacidade de reboque de 5,171 kg e 916 kg de capacidade de carga da F-150, juntamente com os baixos consumos de combustível, na ordem dos 7,84 l/100 km em auto-estrada, segundos os cálculos da Agência Americana de Protecção do Ambiente (EPA), e de acordo com os métodos de testes de consumo em vigor naquele mercado.

Segundo Dave Filipe, Vice-Presidente de Engenharia Global de Propulsores, “Para os clientes que procuram baixos consumos em situações de reboque ou carga, dispomos agora de um novo motor de Power Stroke V6 de 3,0 litros que, há não há muito tempo, não passava de um sonho. Quanto mais se rebocar e mais carga se transportar, mais se apreciam as suas características de referência em termos de capacidade de reboque e capacidade de carga, bem como a sua grande economia de combustível, constatável em cada abastecimento.”

Ford Power Stroke 3.0 l

A Fábrica de Motores de Dagenham, a maior unidade fabril de motores diesel da Ford a nível global, emprega 3.000 pessoas tendo, só no ano passado, produzido 800.000 motores destinados ao mercado do Reino Unido e à exportação para todo o mundo.

Como refere Stephen Gill, Director de Engenharia de Propulsores da Ford Europa, “A imbatível capacidade de tracção e reboque de um motor diesel é a combinação perfeita para a mítica pick-up F‑150, algo que os muitos fãs norte-americanos das pick-up da Série F vão descobrir por eles próprios. As grandes competências da Ford Europa nos motores diesel vão bem além da produção. O nosso Centro Diesel de Dagenham, no Reino Unido, é um centro de excelência para o desenvolvimento de sofisticados motores diesel, incluindo o bloco Ford EcoBlue de 2,0 litros e o novíssimo Ford EcoBlue de 1,5 litros.”

Tecnologia

O novo motor Power Stroke de 3,0 litros Power Stroke oferece mais potência e robustez, juntamente com baixo peso, graças a tecnologias como a construção do bloco dos cilindros em ferro-grafite compactado e cambota em aço forjado. Para uma melhor resposta e diminuição da inércia do turbo, o motor possui um turbocompressor de geometria variável de alta eficiência. Por seu turno, um sistema de injecção common-rail optimiza, com total precisão, a performance e a economia de combustível, enquanto a calibragem de alta pressão da injecção de combustível, com 2.000 bar (29.000 psi), garante um funcionamento mais suave e silencioso, bem como menores consumos de combustível.

Foram ainda adoptados filtros duplos de combustível para uma melhor filtragem inicial, enquanto o cárter do motor em alumínio e a bomba de áleo de duas fases reduzem as perdas parasitas e melhoram o consumo de combustível. Uma ventoinha de alto rendimento, accionada pelo motor, e uma configuração de duas cortinas no radiador, mantêm o rendimento do motor a altas temperaturas ou em qualquer altitude, o que representa uma forte vantagem face ao sistema de ventoinhas eléctricas utlizadas pelos concorrentes.

Em condições mais moderadas de condução e reboque, o sistema de gestão do motor da pick-up F-150 alivia o funcionamento da ventoinha através de um acoplamento viscoso e fecha as duas cortinas do radiador, melhorando a aerodinâmica e reduzindo as perdas parasitas do motor.

As melhorias ao nível do consumo e das emissões são também fruto da transmissão automática SelectShift® de 10 velocidades, especialmente calibrada para o efeito, e do sistema Auto Start-Stop.

Nos EUA e só em 2017, a Ford vendeu 896.764 unidades da pick-up da F-Series, o que se traduz num aumento de 9,3 por cento face ao ano anterior, representando o melhor resultado da Série-F desde 2005. No ano passado, a Série-F celebrou 41 anos como a pick-up mais vendida na América.

Para a Ford, a Europa é uma zona de referência no que respeita ao desenvolvimento de motores diesel, tendo os seus especialistas na matéria concentrados em Dagenham e no Centro Técnico de Dunton, ambos no Reino Unido, e na Alemanha no Centro Técnico de Merkenich e no Centro Europeu de Pesquisa e Inovação da Ford.

Deixe um comentário

Please Login to comment