Governo Americano quer que 50% das vendas sejam de elétricos até 2030

By on 10 Agosto, 2021

O último relatório do IPCC (Intergovernmental Panel on Climate Change) não deixa margem para dúvidas e as alterações climáticas estão a acontecer a uma velocidade nunca antes vista e basta ver o que se passa pelo mundo para entender que esta é já uma realidade que nos afeta cada vez mais. Como tal, o esforço para virar a indústria automóvel para o elétrico ganhará ainda mais força e os Estados Unidos da América vão também reforçar essa via.

O Presidente Joe Biden vai assinar uma ordem executiva que visa fazer com que os veículos com emissões zero representem 50% de todas as vendas de automóveis até 2030. Também estão incluídas na proposta novas regras de emissões de veículos para reduzir a poluição até 2026. Apesar de não ser juridicamente vinculativa, esta é uma medida que será recebida com naturalidade pelos fabricantes com já muitos grupos a terem esses objetivos na sua agenda até a data referida.

As vendas de veículos elétricos representam atualmente 2% das vendas globais de automóveis, mas a empresa de consultoria AlixPartners estima que o número aumentará para 24% até 2030. 

“Tenho um compromisso da Mary Barra (CEO da GM), quando eles fizerem o primeiro Corvette elétrico, eu vou conduzi-lo” disse Biden que foi a primeira pessoa fora da Ford a conduzir o F-150 Lightning, 100% elétrico que pretende assim dar o exemplo, sendo um dos  porta-estandarte dos veículos elétricos nos EUA.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)