Hyundai e Kia preveem que 2021 seja um ano de recuperação

By on 5 Janeiro, 2021

Depois de dois anos de quebras, as marcas Hyundai e Kia esperam que 2021 traga resultados positivos e estimam, inclusivamente, um crescimento conjunto de cerca de 11,5%. O objetivo é vender mais de 7 milhões de automóveis depois de uma quebra de 12% para o valor mais baixo da década, cerca de 6,35 milhões de viaturas.

Esta estimativa de crescimento está sustentada, entre outros aspetos, no facto de modelos como o Kauai Electric ter mantido um desempenho comercial estável, isto apesar de algumas unidades terem sido alvo de uma chamada aos concessionários para correção de problemas detetados.

A aposta na eletrificação é uma aposta ganha por parte do grupo sul-coreano, sendo que se prepara para lançar, em breve, a sua marca dedicada à mobilidade elétrica, a Ioniq. O primeiro modelo a chegar ao mercado será o Ioniq 5 e estreará, inclusivamente, a nova plataforma dedicada a veículos puramente elétricos.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)