LEXUS IS foi renovado

By on 26 Janeiro, 2017

A Lexus renovou a terceira geração do IS, e a marca japonesa ‘promete’ uma condução mais envolvente e também maior refinamento. Em Portugal, onde apenas é comercializado com motorização híbrida, o IS300h é o modelo mais representativo da marca, sendo responsável por mais de 30% do total de vendas Lexus.

No final de julho de 2016 a Lexus atingiu mais um marco nas suas vendas globais, atingindo 1 milhão de Lexus IS vendidos no mundo. É um marco importante para um modelo que foi o primeiro Lexus a ser concebido especificamente para ir de encontro aos gostos dos Europeus, sendo que, um em cada cinco Lexus IS vendidos em todo o mundo é vendido na Europa. Em Portugal ganha ainda maior importância por ser o modelo mais vendido da gama.

Este importante estatuto do Lexus IS dentro da gama de modelos da marca premium continua a ser incontestável e por isso mesmo surge esta renovação, sensivelmente a a meio do ciclo de vida da terceira geração deste modelo, que não são apenas cosméticas. As prioridades da Lexus para o novo IS são claramente resumidas pelo engenheiro-chefe Naoki Kobayashi: “Antes de iniciar o trabalho no novo IS os meus designers viajaram pelo mundo entrevistando clientes e procurando inspiração. Esta fase de pesquisa foi vital pois fomos desafiados a projetar o já bem sucedido IS para um novo e mais alto patamar. Depois de meses passados a traçar esboços e a desenhar em computador, os nossos artesãos estavam prontos para modelar a carroçaria. Embora mantendo a sua postura atlética e a sua longa linha do tejadilho de coupé, conseguimos dar ao IS um visual mais marcante. Entre os novos elementos de design destacam-se a mais proeminente grelha trapezoidal, a linha lateral ascendente mais evidente e uma iluminação LED a lembrar artigos de joalharia, que combinam para dar origem ao IS mais distinto que jamais construímos”, disse.

A equipa de Kobayashi dedicou mais tempo e atenção do que alguma vez fizera num programa de renovação de um automóvel a meio do seu ciclo de vida, tendo chegado mesmo a levar a cabo testes de estrada e em pista, demonstrando os cada vez mais elevados padrões de exigência que a Lexus está a aplicar no desenvolvimento dos seus veículos. Os novos componentes de baixo peso da suspensão e os ajustes feitos nas molas helicoidais, nos amortecedores e na barra estabilizadora contribuem, no seu todo, para uma condução mais gratificante, sem diminuir o conforto de condução.

O novo modelo faz também chegar aos utilizadores os benefícios do Lexus Safety System+, que permite equipar este automóvel com uma série de recursos avançados de tecnologia que podem ajudar a evitar acidentes e a reduzir as suas consequências. Tecnologias como o Monitor de Ângulo Morto (BSM) e o Alerta de Tráfego Transversal na Traseira (RCTA) transmitem uma série de avisos melhorados acerca de potenciais riscos que não foram vistos pelo condutor e os faróis LED geram um campo de iluminação mais longo e mais largo durante a condução noturna.

Motorização Full Hybrid

A motorização Full Hybrid combina um motor a gasolina, de 2.5 litros, a funcionar em ciclo Atkinson, com um motor elétrico, compacto e potente, para alcançar um desempenho suave, com excelente resposta. O motor de 4 cilindros conta com o sistema variável inteligente das válvulas Dual VVT-i, pela tecnologia de injeção de combustível D-4S da Lexus e por um altamente eficiente sistema de recirculação dos gases de escape. A engenharia avançada do sistema Lexus Hybrid Drive proporciona baixas emissões de gases de escape e economia de combustível, com valores oficiais nos testes de ciclo homologados desde apenas 99g/km e 4,3 l/100km, respetivamente, reforçando o apelo no mercado de um desempenho ambiental superior e baixos custos de utilização que são considerações fundamentais para o cliente atual.

Com um Preço de Venda a Público desde: 43.700 € o IS 300h é o modelo mais vendido da marca em Portugal, tendo representado em 2015 cerca de 40% do total de matrículas e em 2016, apesar do alargamento da gama de modelos Lexus, o IS continua a ser o modelo mais vendido da marca em Portugal, responsável por mais de 30% do total de matrículas.

História do Luxus IS

A Lexus lançou o IS há 17 anos com a intenção de atrair novos e mais jovens clientes para a marca com este sedan desportivo compacto com um estilo próprio, um motor de 6 cilindros em linha de 2.0 litros com excelente resposta e tração traseira. Foi o terceiro Lexus a chegar à Europa, depois dos lançamentos dos modelos LS e GS originais, tendo conseguido dar à marca uma presença num numeroso e altamente competitivo segmento de mercado de automóveis premium, com a sua excelente dinâmica de condução e perfil desportivo, em combinação com os seus elevados níveis de equipamento e de segurança.

A reputação, em rápido crescendo, de excelente qualidade e superior serviço ao cliente da Lexus, ajudou ainda mais o IS a conquistar o interesse dos clientes e a gama depressa se expandiu para incluir o mais potente IS 300 com motor de 3.0 litros e, a partir de 2001, uma nova carrinha compacta SportCross.

O IS original provou ser um eficaz desbravando novos caminhos para a Lexus até 2005, quando a segunda geração deste modelo fez sua estreia no Salão Automóvel de Genebra. Mostrando um estilo mais distinto e sofisticado, enraizado na nova filosofia de design da Lexus, e ainda mais refinado, o recém-chegado IS II constituiu uma plataforma para a marca explorar novas possibilidades capaz de chegar a um mercado muito mais vasto. Ao IS 250, com motor a gasolina V6 de 2,5 litros e disponível com uma nova transmissão automática, seguiu-se, em 2006, o primeiro Lexus com motor diesel, o IS 220d.

Um ano mais tarde, o Salão Automóvel de Detroit testemunhou a revelação do IS F, um sedan de elevadas prestações “feito por entusiastas, para entusiastas”, como a Lexus o apresentou. Este foi o primeiro Lexus a usar o emblema F, um antecessor do superdesportivo LFA e dos atuais modelos RC F e GS F. Cada peça do automóvel foi desenvolvida para gerar altas prestações e prazer de condução. O seu motor V8 de 5.0 litros debitava uns expressivos 423 cv através da primeira transmissão automática de oito velocidades do mundo, permitindo que o IS F arrancasse dos 0 aos 100 km/h em apenas 4,8 segundos, e uma velocidade máxima de 270 km/h.

A versatilidade do IS foi ainda mais explorada em 2009 com a introdução do IS 250C, um esplêndido coupé-cabriolet com um tejadilho rígido removível que se dividia em três partes.

A terceira e atual geração do IS marcou o início de uma nova era para este modelo com a introdução do sistema Lexus Hybrid Drive nesta gama pela primeira vez. Desde o lançamento desta geração, em 2013, o IS 300h provou ser, de longe, a escolha mais popular para os clientes europeus, chamando a si 90% das vendas do IS. O IS continua a ocupar um lugar fundamental na gama mundial de modelos da Lexus, atualmente comercializada em mais de 70 países e alcançando mais de 6000 vendas por mês.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)