Líder da Mini diz que a próxima geração dará “o maior passo dos últimos 20 anos”

By on 21 Dezembro, 2020

A Mini é uma das marcas que tem conseguido manter a identidade ao longo dos anos com um design que é facilmente reconhecido. No entanto, a quarta geração, que tem chegada prevista para 2023, vai ser uma mudança radical de paradigma. Em declarações à Autocar, o líder da marca britânica, Bernd Körber, anuncia que vamos ter grandes alterações em 2023, aliás, “o maior passo dos últimos 20 anos”. Com esta afirmação, podíamos esperar mudanças radicais, que vão acontecer, mas não ao nível de design.

De facto, Körber pretende manter o AND da Mini numa espécie de “limbo” entre manter a herança de 60 anos e a reinvenção da marca. Isto é de tal maneira evidente que Körber compara o Mini ao 911 ao dizer que “o 911 teve de ser desenvolvido cuidadosamente ao longo do tempo porque é o que a Porsche representa”. Assim, podemos esperar um futuro da Mini com a inevitável eletrificação, mas com a manutenção do ADN histórico.

Para além disso, o líder revela ainda que a próxima geração vai manter variantes de três portas, um tipo de carroçaria que está a perder importância tanto nos utilitários como nos compactos, aliás, é raro de encontrar nos dias atuais até nos desportivos. Körber revelou ainda que o Contryman vai continuar a fazer parte da gama, mas desta vez terá um novo “irmão” no segmento SUV.

Fonte: Autocar

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)