Mazda vai incluir um motor diesel de grandes dimensões com o próximo CX-60

By on 5 Julho, 2022

A chegada do novo modelo da Mazda, o CX-60, tem sido sempre acompanhada da informação da estreia da primeira opção híbrida plug-in da marca. Mas há também um diesel que vai dar que falar.

Os responsáveis da Mazda continuam a afirmar que o mundo não tem obrigatoriamente de ser eletrificado e que há diversas soluções que ainda podem ser feitas para controlar a emissão de gases poluentes. E agora, com a chegada do novo Mazda CX-60, está a usar este argumento dando um autêntico soco na mesa e apresentando um motor diesel de seis cilindros e 3,3 litros de cilindrada. Sim, leu bem.

O novo modelo da marca de Hiroshima vai mesmo ter um diesel colossal, quando comparado com as versões a que estamos mais habituados e com uma cilindrada cada vez mais comedida. O que ainda não lhe contámos é que este mesmo motor diesel de 3,3 litros de capacidade e seis cilindros em linha, será capaz de consumir menos de cinco litros a cada 100 quilómetros e ter um valor de emissões abaixo dos 130 gramas para cada 100 quilómetros percorridos.

Para isso, a nova motorização e-Skyactiv D inclui um sistema mild-hybrid de 48 volts, ou Mazda M Hybrid Boost, como a marca lhe chama, mas também uma tecnologia de combustão bastante inovadora designada por DCPCI, ou Distribution-Controlled Partially Premixed Compression Ignition. Está destinada a melhorar a eficiência térmica desta nova opção, contribuindo para médias de consumo e valores de emissões bem mais comedidos, o que também se traduz numa autonomia melhorada.

A nova motorização diesel de 3,3 litros do novo Mazda CX-60 estará disponível em dois patamares de potência. Uma com 200 cavalos e outra com 254. No caso da mais potente, a aceleração dos 0 aos 100 km/h fica cumprida em 7,4 segundos e a velocidade máxima ronda os 220 km/h, mas a média de consumo declarada é de apenas 5,3 litros a cada 100 quilómetros. Na opção de 200 cavalos, este valor desce até aos 4,9 litros. E tudo isto com um bloco de seis cilindros em linha, com muito menos vibrações e um funcionamento otimizado.

A versão híbrida plug-in do novo Mazda CX-60 já se encontra em pré-encomenda nos principais mercados europeus, sendo que o seu preço vai rondar os 62.500 euros quando iniciar oficialmente a sua comercialização, no início do próximo ano.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)