McLaren GT é o mais prático e refinado modelo da marca de Woking

By on 16 Maio, 2019

Veio para redefinir as regras dos GT, reclamou a McLaren para o novo GT. Acabado de apresentar, revela-se como o mais refinado e prático automóvel jamais feitos pela casa de Woking.

Recordamos que a McLaren tem três famílias de modelos (Sports, Super e Ultimate) e que o GT não se encaixa em nenhuma delas, seja pelo estilo, seja pelo objetivo. O GT vem reavivar, diz a McLaren, o espírito dos Grand Touring, ou seja, cumprir grandes distâncias ao volante com muito conforto, a elevadas velocidades e com espaço para bagagem.

A McLaren juntou a isso, reclama, leveza, mais velocidade e mais prazer de condução do que qualquer GT existente no mercado. Com 4,68 metros de comprimento, 2,09 metros de largura, o GT é o maior McLaren á venda, sem contar com o esgotado Speedtail, e tem como rivais modelos como o Aston Martin DB11, Bentley Continental GT e mais alguns, exibindo-se mais leve (1530 quilos) cerca de 150 quilos que os rivais.

A fibra de carbono usada no chassis (Mono Cell II-T) contribui para isso e uma nova estrutura superior permite que o GT tenha uma bagageira recordista para um McLaren: 420 litros no compartimento traseiro e mais 150 litros á frente. O espaço traseiro tem comprimento suficiente para albergar esquis até 1,85 metros.

O interior foi otimizado para maior conforto e visibilidade, misturando o habitáculo luxo, qualidade e tecnologia. Os bancos são exclusivos do GT, o sistema de navegação também (com software da HERE), sistema de som Bowers&Wilkins, enfim, refinamento como num carro de luxo.

O motor é o V8 de 4.0 litros duplo turbo com 615 CV, chega dos 0-100 km/h em 31, segundos e dos 0-200 km7h em 9 segundos, alcançado uma velocidade máxima de 325 km/h. O comportamento é o esperado de um McLaren, com suspensão e direção únicas e diferentes de todos os outros carros da casa de Woking. Os pneus Pirelli P Zero foram desenvolvidos especificamente para o GT e tem jantes de 20 polegadas na frente e 21 polegadas na traseira, as maiores jantes jamais oferecidas pela McLaren. Os travões foram afinados para serem mais fáceis de utilizar. O carro custa mais de 200 mil euros, estando as primeiras entregas aprazadas para antes do final de 2019.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)