Mercedes-Benz mostra alternativa para quem precisa de espaço

By on 27 Abril, 2022

Chama-se Classe T e é o novo modelo da Mercedes-Benz para os estilos de vida mais ativos e com mais necessidades de espaço a bordo de um único automóvel.

Depois de uma curta experiência com o Citan, que ainda conquistou alguns clientes, a Mercedes-Benz volta a apostar neste formato, mas com uma opção mais atual e modernizada, que já inclui algumas das tecnologias mais recentes. A receita volta a incidir numa forma mais monolítica, em que apenas a secção dianteira está fora do contexto, pois tudo o resto está perfeitamente desenhado para otimizar todo o perímetro deste modelo, com o aproveitamento do espaço em altura.

Com cerca de 4,5 metros de comprimento e 1,86 metros de largura, o Classe T tem o tamanho de um familiar compacto, mais curto que um Classe B, por exemplo, mas ligeiramente mais largo. A grande vantagem, no entanto, está na altura acima de 1,8 metros e na distância entre eixos superior a 2,7 metros, o que se traduz numa excelente base de trabalho no processo de conseguir o espaço a bordo mais amplo possível. Mas no caso de não ser suficiente, também já está prevista uma versão com uma distância entre eixos mais extensa e com uma lotação de sete lugares.

Pelos dados que nos são apresentados, e pelas fotos disponíveis, percebemos facilmente que a missão ficou cumprida. Nos três lugares individuais traseiros, por exemplo, podem ser instaladas três cadeiras de bebé lado-a-lado, sem contingências de espaço e mais atrás, ainda há uma bagageira com capacidade para todas as tralhas que podemos ter de transportar numa ida à praia ou mesmo em modo de férias. Mas ainda no que diz respeito aos lugares traseiros, há outra grande vantagem, que são as portas laterais deslizantes. Não só permitem um acesso melhorado, como oferecem uma facilidade incrível no momento de colocar crianças em cadeiras e cintos. Para uns pode não ser fundamental, mas para os outros, todos sabem aquilo a que me estou a referir.

Nos lugares da frente, houve algum cuidado no que diz respeito à escolha dos materiais e apesar da zona inferior contar com aqueles que não são tão agradáveis ao toque, algo que até percebemos nas imagens, nas zonas mais visíveis e onde realmente costumamos tocar, há componentes forrados em pele de origem sustentável e uma melhoria do visual, mais aproximada à dos modelos mais recentes.

O que não está presente é um daqueles monitores gigantes com diversas polegadas e sim um mais pequeno de apenas sete polegadas, mas que inclui a assistente virtual da Mercedes-Benz e diversas das soluções de conectividade e serviços que já conhecemos de outros modelos, bem como uma integração completa com o smartphone e a possibilidade de o carregar sem fios.

Além disso, o interior do novo Classe T também conta com um sistema de iluminação ambiente em LED, com oito cores disponíveis e equipamentos como a chave que pode ficar sempre no bolso, o ar condicionado automático e o sistema de parqueamento automático, entre muitos outros.

No exterior, um dos equipamentos que pode ser mais interessante para quem costuma transportar objetos de maiores dimensões, são as barras longitudinais do tejadilho, que também incluem as transversais integradas, sendo algo que se monta em poucos segundos.

Numa fase de lançamento estarão disponíveis uma motorização a gasolina e uma diesel, ambas com dois patamares de potência. As duas versões a gasolina e o mais potente dos diesel terão como opção uma caixa de velocidades automática de dupla embraiagem. Caso contrário, será uma caixa manual de seis velocidades que os acompanha.

Depois do lançamento das versões “convencionais” equipadas com uma motorização térmica, a Mercedes-Benz já tem previsto o lançamento do EQT, a opção 100% elétrica deste novo modelo, que tem vindo a ser desenvolvido em conjunto com as versões que acabámos de conhecer e que já conta com uma plataforma preparada para esta opção. Como ainda se encontra em desenvolvimento, não se conhecem muitos detalhes sobre este novo modelo, apenas que se vem juntar à família de furgões de passageiros da marca, tais como o EQV, oEvito, o eSprinter ou mesmo o próximo eCitan, que deverá ser uma versão comercial deste novo Classe T.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)