Michelin desenvolve pneus específicos para o Ferrari 296 GTB

By on 14 Março, 2022

A Michelin acaba de divulgar algumas das principais características dos pneus que desenvolveu especificamente para equipar o Ferrari 296 GTB desde o momento em que sai da fábrica.

A Michelin apresentou recentemente o Pilot Sport 4S K1 e o Pilot Sport Cup 2R K2, ambos destinados a equipar o novo Ferrari 296 GTB. Mas enquanto o primeiro está mais vocacionado para uma utilização em estrada, o segundo é mesmo o mais adequado para quando queremos ir para uma pista.

MICHELIN Pilot Sport 4S K1, um pneu de alta tecnologia para utilização diária. Reconhecido pela sua performance em estrada, e adequado para uma utilização ocasional em circuito, este pneu proporciona um excelente equilíbrio entre aderência, controlo e prazer de condução, ao mesmo tempo oferecemdo uma excelente duração. A tecnologia multi-composto para a banda de rolamento combina quatro compostos de borracha diferentes (dois para os pneus dianteiros e dois para os traseiros), para oefrecer uma ótima aderência em piso seco, e proporcionar precisão na condução, assim como a aderência necessária para oferecer segurança em condições de piso molhado.

MICHELIN Pilot Sport Cup 2R K2, um pneu de circuito homologado para utilização em estrada, faz as delícias dos amantes da condução desportiva. Beneficia de uma combinação de compostos especiais, e de elastómeros funcionáis, para obter um material mais homogéneo. Resultado: um muito elevado nível de aderência em piso seco, que permite uma velocidade de passagem em curva muito elevada, combinada com uma excelente estabilidade a alta velocidade, uma melhor resistência ao rolamento e uma superior aderência em piso molhado.

Segundo Hervé Charbonnel, o engenheiro de desenvolvimento de pneus da Michelin, este projeto “foi um enorme desafio e uma grande aventura. As exigências dos engenheiros da Ferrari levaram-nos a recorrer ao melhor da mossa tecnologia para desenvolver estes pneus especiais. Graças ao nosso conhecimento, conjugado com a nossa experiência na utilização de técnicas de simulação, pudemos superar os limites de aderência com uma nova otimização da banda de rolamento, proporcionando, ao mesmo tempo, a precisão e as sensações da condução desportiva que são caraterísticas tão cruciais para a Ferrari”.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)