Motor 1.5 TSI da Volkswagen recebe atualização que o torna ainda mais eficiente

By on 28 Julho, 2022

O bloco de quatro cilindros e 1,5 litros de capacidade é um dos motores globais do Grupo Volkswagen e acaba de ser renovado para se tornar mais eficiente e reduzir as emissões.

As marcas do Grupo Volkswagen continuam bastante cuidadosas no que diz respeito a grandes mutações na sua gama, ao contrário de outros construtores que já têm toda a sua oferta constituída por opções eletrificadas. No caso dos modelos do Grupo, estas soluções eletrificadas têm sido incluídas na nova família de modelos ID e em algumas versões híbridas em determinadas gamas.

Os modelos mais pequenos, no entanto, continuam (bem) representados pelas motorizações TSI a gasolina, tendo como o topo da oferta o bloco de 1,5 litros equipado com o sistema que consegue desligar dois dos quatro cilindros quando estes não estão em uso. E agora, foi o momento para que esta motorização recebesse uma atualização, passando a ter a designação EVO2.

A potência mantém-se no mesmo patamar dos 150 cavalos, estando já previstas outras versões deste mesmo bloco, que está preparado para a utilização de combustíveis com componentes renováveis. Entre as principais diferenças está o facto de o catalisador e o filtro de partículas estarem agora mais perto do motor, num único módulo de controlo de emissões, sendo que esta alteração permite uma utilização mais reduzida de metais preciosos. Além disso, o sistema de desativação dos cilindros foi também otimizado para os momentos em que estão apenas dois cilindros em funcionamento, garantindo a sua utilização durante mais tempo.

“O 1.5 TSI é um pilar fundamental da gama de motores Volkswagen, porque propulsiona muitos modelos em todo o mundo, desde o T-Cross até ao Passat Variant. Temos vindo a melhorar continuamente a unidade compacta de quatro cilindros. Oferece agora benefícios significativos ao nível do consumo de combustível, bem como uma capacidade de resposta dinâmica”, diz Thomas Ulbrich, Membro do Conselho de Gestão da marca Volkswagen, responsável pelo Desenvolvimento Técnico. “Os destaques da mais recente versão incluem a tecnologia Active Cylinder Management – ACTplus, um módulo de controlo de emissões próximo do motor e o moderno processo de combustão TSI-Evo”.

Os primeiros modelos a receber o 1.5 TSI EVO2 serão o T-Roc e o T-Roc Cabriolet, mas há outros modelos que também o vão receber até ao final do ano. As modificações efetuadas estão também já preparadas para o momento no futuro em que a Volkswagen optar por incluir esta motorização num sistema híbrido plug-in, sendo que, neste contexto, a marca aponta para um valor máximo de potência acima dos 270 cavalos.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)