Motor Bentley V8 acabou após 61 anos de produção

By on 3 Junho, 2020

Impressionante: o motor V8 com 6.75 litros de cilindrada esteve em produção exatamente 61 anos!

Naturalmente que o motor não é o mesmo, foi sendo atualizado com a nova tecnologia, mas a configuração de diâmetro e curso e a cilindrada são semelhantes desde 1959! 

A última unidade deste mítico propulsor saiu da fábrica de Crewe esta semana e será o motor de uma das 30 unidades da serie especial Mulsane 6.75 Edition by Mulliner. Debita 530 CV e 1100 Nm de binário.

Contas feitas, foram produzidas 36 mil unidades do motor Bentley L-Series ao longo destes 61 anos, sempre à mão sempre no mesmo local. O motor, atualmente, demora 15 horas a ser montado. 

Recuemos aos anos 50 do século passado, quando Jack Phillips, o engenheiro chefe da Bentley, aceitou a proposta de desenhar um substituto do velhinho seis cilindros. O motor deveria ter, mais ou menos, o mesmo tamanho do seis em linha, mas ter mais 50% de potência e não ter mais peso. O resultado foi um bloco com 6.2 litros que se estreou no Bentley S2 de 1959, um carro que na época já tinha ar condicionado, vidros elétricos e direção assistida. Pouco tempo depois, a cilindrada subiu para os 6,75 litros e foi sendo melhorado ao longo dos anos para cumprir com as normas de emissões poluentes e para ganhar músculo.

Chegou ao fim a vida desta fantástica peça de engenharia que sobreviveu 61 anos, a mesmo tempo que a Bentley liquidou o Mulsanne, deixando ao Flying Spur o cargo de berlina de topo da casa de Crewe.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)