Nissan Qashqai e Volkswagen ID.5 obtêm bons resultados no EuroNCAP

By on 10 Maio, 2022

Tanto o Nissan Qashqai como o Volkswagen ID.5 conseguiram registar uma excelente pontuação nos testes relacionados com os sistemas de condução assistida.

Os sistemas de condução assistida são aqueles que nos vão aproximando da condução autónoma e que ajudam o condutor nos momentos em que ativamos o cruise control, por exemplo, mas também se destinam a que este não ganhe a confiança necessária para deixar que o carro assuma o controlo total da condução.

Nos resultados mais recentes divulgados pelo Euro NCAP e que nada têm a ver com os testes de segurança que estamos mais habituados a ver, o Nissan Qashqai e o Volkswagen ID.5 obtiveram a classificação de “Very Good”, conquistando os quatro pontos possíveis.

No primeiro caso, o sistema ProPilot com Navi Link do Qashqai demonstrou um bom compromisso entre a assistência ao condutor e o não deixar que este se “distraia” excessivamente, enquanto o Volkswagen ID.5 também consegue uma excelente combinação entre os dois extremos, ao conseguir um elevado nível de assistência na condução em autoestrada, por exemplo, mas mantendo um patamar de utilização num ponto em que o condutor se tenha de manter sempre atento.

Michiel van Ratingen, Secretary General do Euro NCAP refere que “há já alguns anos que publicamos classificações de Condução Assistida e estamos a assistir a melhorias reais no desempenho destes sistemas. A maioria dos fabricantes compreende que é importante que os condutores desfrutem dos benefícios da condução assistida sem acreditar que podem entregar o controlo completamente ao automóvel, e esse é um dos aspetos que a nossa avaliação considera. Parabéns à Nissan – o Qashqai é o carro mais acessível deste grupo, mas, com o ID.5, partilha a classificação mais elevada que vimos até agora. Mostra que a tecnologia está a avançar rapidamente e que a condução assistida passará a fazer parte do mainstream muito em breve“.

Também presentes nestes testes mais recentes estiveram o Polestar 2, que já tinha sido testado anteriormente, mas que recebeu uma atualização de sistemas, e o Jaguar I-Pace, que é o modelo mais antigo destes quatro. O Polestar conquistou o patamar “Good”, com três dos quatro pontos e o Jaguar apenas “Entry”, com apenas um dos quatro pontos disponíveis, demonstrando a velocidade a que a tecnologia dos sistemas de condução assistida está a evoluir e a diferença sentida para os modelos mais recentes.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)