Nova geração Ford Transit: conectada e eletrificada

By on 10 Setembro, 2018

Apoiada na sua posição de líder de vendas de veículos comercias na Europa, a Ford vai apresentar uma nova família de produtos Transit no Salão de Hannover que se realiza nos próximos dias 20 a 27 de setembro na Alemanha.

A Ford está empenhada em alargar os benefícios da conectividade a toda a sua gama de veículos comerciais na Europa. Na mostra de Hannover, a companhia irá contar com uma gama de modelos dotada de modems integrados, com especial destaque para a nova Transit de 2 toneladas, proposta que faz a sua estreia mundial neste salão, para além dos mais recentes produtos da Ford, desenvolvidos para permitir que as frotas optimizem as suas operações.

Depois, a Ford irá colocar a ênfase nos produtos eletrificados, e para isso vai mostrar a Transit Custom plug-in hybrid (PHEV), que faz a sua estreia em formato de produto final, bem como a nova Transit equipada com uma mecânica mild hybrid(mHEV) de 48 volts, em estreia no segmento.

 “Hannover irá marcar a chegada de uma emocionante nova família de veículos comerciais Transit que ‘nascem conectados’,”referiu Hans Schep, General Manager de Veículos Comerciais, Ford Europa. “A conectividade avançada e os nossos revolucionários veículos electrificados permitirão alargadas novas oportunidades de criação de valor para os nossos clientes.”

Quando for lançada em meados de 2019, a nova Ford Transit de 2 toneladas irá surgir com motores mais eficientes, um incremento da capacidade de carga, conectividade integrada e tecnologias de apoio ao condutor e reforços ao nível do espaço de arrumação. Uma das estrelas será a tecnologia mHEV 48 volts em versões de transmissão manual, que capta a energia durante a desaceleração para uma bateria de iões de lítio, de 48 volts, usando essa energia armazenada na operação do motor e dos demais componentes eléctricos.

Já no que toca ao Ford Transit Custom PHEV, está equipado com sistema híbrido que tem emissões zero durante os 50 quilómetros de autonomia elétrica. Para não ficar sem autonomia, o Transit Custom tem um motor a gasolina 1.0 EcoBoost que funciona como um extensor de autonomia. O motor de explosão carrega as baterias quando são necessárias viagens mais longas entre paragens para recarregamento, permitindo uma autonomia total superior a 500 km.

Esta versão PHEV conta com uma bateria de iões de lítio compacta e refrigerada a líquido, colocada por debaixo do piso de carga, preservando na totalidade o volume de carga do furgão de base. O veículo apresenta o novo design interior aplicado na mais recente Transit Custom, incluindo monitores de informações dedicados a esta variante PHEV.

Em Hannover, a Ford dá, também, a conhecer duas novas soluções para veículos frotistas conectados, criados através da combinação de poderosos estudos de frotas de todas as dimensões dos mais diversos sectores da indústria, com o profundo conhecimento e especialização que a Ford detém dos seus veículos e dos respectivos dados. A Telemática Ford irá dar aos operadores de frotas uma aplicação baseada na internet que fornece soluções para ajudar os profissionais de frotas a melhorar a utilização dos seus veículos, maximizar a sua disponibilidade, optimizar os custos de operação e gerir os seus condutores.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)