Novo Audi RS 3 mantém motor cinco cilindros com 400 cv

By on 19 Julho, 2021

O Audi RS 3 vai estar disponível nas carroçarias Sportback e Sedan, ambas acompanhadas pelo motor cinco cilindros 2.5 TFSI.

Depois de vários teasers, acabou a espera. A Audi revelou a nova geração do Audi RS 3, o topo de gama do modelo compacto alemão. Começando pelo “coração”, a marca de Ingolstadt manteve a aposta no cinco cilindros de 2.5 litros TFSI que debita os mesmos 400 cv, mas ganha 20 Nm face ao antecessor para um novo total de 500 Nm de binário. Com estes valores, o desportivo da Audi consegue acelerar dos 0 aos 100 km/h em 3,8 segundos, enquanto a velocidade máxima é de 280 km/h (290 km/h com pack opcional RS Dynamic).

Tudo isto é acompanhado por uma imagem marcadamente desportiva e diferenciadora do Audi S3. De facto, na dianteira encontramos entradas de ar de maiores dimensões, que conferem um design mais agressivo, enquanto atrás surgem as duas ponteiras ovais de grandes dimensões, uma imagem de marca do Audi RS 3. Para além disso, a Audi decidiu alargar a carroçaria face às versões convencionais de 33 mm à frente e 10 mm atrás.  No interior está em linha com o que encontramos nas restantes variantes do modelo, contudo, conta com bancos desportivos específicos e uma personalização mais desportiva. Tirando isso, tem ao centro um ecrã tátil de 10,1 polegadas, enquanto atrás do volante de três raios RS Sport com patilhas em zinco temos o painel de instrumentos digital com 12,3 polegadas.

Ao nível mecânico conta ainda com algumas novidades. Uma delas é o já mencionado RS Torque Splitter, que vai acompanhar a tração integral quattro, uma evolução face ao anterior sistema da Haldex. Este novo sistema é composto por duas embraiagens controladas de forma eletrónica, um em cada eixo de transmissão traseiro, algo que permite uma distribuição do binário entre cada uma das rodas traseiras nos modos mais desportivos. Para além disso, o “torque splitter” vai garantir uma distribuição mais rápida e precisa da tração entre o eixo dianteiro e traseiro. Segundo a Audi, isto resulta numa estabilidade e agilidade melhoradas, especialmente em curvas feitas a alta velocidade.

Outro detalhe que merece destaque é a possibilidade de fornecer aos clientes uma espécie de modo drift, denominado RS Torque Rear, tal como acontece no rival Mercedes-AMG A45 S, que permite aos condutores realizar derrapagens controladas. Este modo é acompanhado pelos típicos Comfort, Auto e Dynamic, com destaque ainda para o RS Performance que é configurado em específico para utilização em pista.

Os clientes vão encontrar também uma direção progressiva específica para o Audi RS 3 e suspensão desportiva mais rígida e rebaixada (suspensão desportiva com controlo adaptativo de amortecimento na lista de opcionais). Por fim, a Audi revelou que as primeiras unidades estão previstas para meados de agosto, com as primeiras unidades a chegarem aos clientes pelo outono.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)