Novo DS 4 chega com visual irreverente para “mexer” segmento C premium

By on 3 Fevereiro, 2021

O AutoMais esteve presente na apresentação digital do novo DS 4, a nova aposta da marca francesa no segmento C premium. Porém, a DS decidiu inovar e criou um modelo capaz de “combater” em duas frentes. De facto, foi desenhado para “seduzir” a clientes que procuram um compacto premium tradicional, mas também o tipo de clientes que gosta da silhueta dos novos SUV Coupé. “O DS 4 foi concebido para redefinir as grandes linhas do segmento C-premium. Destina-se a consumidores atraídos por dois tipos de silhuetas: os novos SUV-Coupé aspiracionais e as berlinas compactas tradicionais. Ao longo de cada etapa de desenvolvimento, a ideia de atrair nestes dois segmentos orientou as nossas decisões”, revelou Marion David, Diretor de Produto da DS Automobiles.

Assim, a DS voltou a apresentar um modelo que se diferencia pelo visual irreverente. Inspirado no concept DS Aero Sport Lounge, o DS 4 conta com 1,83 metros de largura, 4,40 m de comprimento e 1,47 m de altura. Na secção frontal, encontramos um visual semelhante aos restantes modelos da gama, mas com algumas novidades. É o caso da nova assinatura luminosa composta por faróis com sistema DS Matrix LED Vision e as luzes diurnas compostas por duas filas de LED de cada lado. De perfil, destaca-se a inclusão de puxadores embutidos na carroçaria, bem como, linhas modernas “afiadas” que garantem um visual dinâmico e com fluidez. Na traseira, o DS 4 recebe uma linha de tejadilho ao estilo Coupé, ou seja, a descer até à traseira. Os guarda-lamas traseiros são marcados por um revelo com curvas e arestas, que segue até aos farolins com um efeito escamado progressivo, gravado a laser.

DS 4 Cross, a versão mais “SUV”

Se por um lado o DS 4 é mais semelhante a um compacto, a versão DS 4 Cross tem argumentos semelhantes aos crossover / SUV. Face à variante base, encontramos proteções em preto na parte inferior dos para-choques ou barras de tejadilho. A marca gaulesa revela ainda que esta versão tem opções exclusivas como é o caso do sistema Advanced Traction Control. A gama é ainda composta pelo DS 4 Performance Line, a variante de cariz mais desportivo. Neste caso, encontramos acabamentos exteriores em preto, jantes específicas e um interior com revestimentos exclusivos.

Interior minimalista e focado na tecnologia

Se por fora “reina” a irreverência e uma personalidade muito própria da DS, não é de estranhar que o interior siga a mesma filosofia. Com um design minimalista, o tablier em forma de sabre tem a particularidade de ter saídas de ar invisíveis, visto que se encontram incorporadas no mesmo. Por outro lado, a consola central tem um novo DS Smart Touch, um ecrã touch de cinco polegadas que se encontra interligado com o sistema de infotainment. Por falar em infotainment, o denominado DS Iris System, encontra-se num ecrã central de 10 polegadas com uma interface tátil e reativa totalmente personalizável. Destaque ainda para o inovador DS Extended Head-Up Display que oferece “uma experiência visual de vanguarda que constitui o primeiro passo para a realidade aumentada”. O condutor vai ser acompanhado pela exibição de informações em 21 polegadas na diagonal, algo inédito no segmento.

Plataforma EMP2 atualizada

O novo DS 4 foi construído sobre a plataforma EMP2, mas numa versão evoluída. De facto, esta apresenta-se com 70% de peças novas ou exclusivas. Esta foi também desenvolvida para receber a nova geração de motorizações híbridas plug-in, mas sem que isso prejudique a habitabilidade no interior ou o volume da bagageira. Assim, encontramos um motor quatro cilindros a gasolina associado a um propulsor elétrico que, em conjunto, debitam 225 cavalos. O conjunto é acompanhado por uma bateria que garante 50 quilómetros de autonomia em modo elétrico.

Por outro lado, a gama de motores é ainda composta por versões a gasolina com o motor PureTech com 130, 180 ou 225 cavalos, bem como uma versão Diesel BlueHDi de 130 cavalos. Todas as soluções possuem transmissões automáticas de oito velocidades.

DS 4 chega no último trimestre de 2021

O DS 4 é o primeiro modelo da marca com o DS Drive Assist 2.0 que apresenta uma atualização face ao utilizado na restante gama no que diz respeito à condução semiautónoma de nível 2. Deste modo, o veículo permite realizar ultrapassagens de forma semiautomática, adaptação de velocidade em curva e aviso antecipado da velocidade exibida nos sinais de trânsito. Para além disso, destaque para um novo sensor que deteta o nível de aderência das mãos do condutor no volante, para confirmar que este está atento à condução. Passando para a personalização, os clientes vão ter disponíveis sete cores de carroçaria. Contudo, duas delas são novidade na palete de cores da DS: Ouro Cuivré e Cinzento Laqué. Estas duas cores juntam-se às já conhecidas Branco Perlé, Cinzento Platinium, Vermelho Velvet, Branco Branquise e Preto Perla Nera. Por fim, o novo DS 4 chega no quarto trimestre de 2021. O DS 4 é agora o quarto modelo da gama, mas a marca gaulesa pretende aumentar este número para seis modelos num futuro próximo.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)