Novo Opel Astra: Preço começa nos 25.600€, chega no começo de 2022

By on 12 Outubro, 2021

As encomendas abrem já na próxima semana, isto depois de ter sido hoje apresentado à imprensa portuguesa o novo Opel Astra. Os preços começam nos 25.600€, vai haver carrinha em 2022 e um Opel Astra e, de elétrico, em 2023.

Desde que em 1936 o Opel Kadett se tornou no primeiro carro alemão com carroçaria monobloco, muito sucedeu para os lados de Rüsselsheim.
Depois do bem sucedido Opel Kadett, o primeiro Astra surgiu em 1991, e desde aí já lá vão 11 gerações de compactos da marca alemã.
Este Opel Astra é o 12º ‘esculpido’ em Russelsheim. No que ao Astra diz respeito, tudo começou com o ‘F’ em 1991, e o ano de 2021 fica marcado pelo ‘K’, o sexto da linhagem Astra.
Este novo Opel Astra é também o primeiro com a nova ‘cara’, o Vizor. Esta nova geração do Astra é a primeira eletrificada, com híbrido ‘plug-in’ com dois níveis de potência e, a partir de 2023, surgirá a versão elétrica a bateria Opel Astra-e.
Surge com motores Diesel e a gasolina de ainda maior eficiência, com transmissões manuais de seis relações e automáticas de oito velocidades. O leque de potências começa agora nos 130 cv e vai até aos 225 cv.
O novo Astra ficará disponível para encomenda já para a semana com chegada aos concessionários no primeiro trimestre de 2022, provavelmente em fevereiro. Os preços em Portugal começam nos 25.600 euros.
Como referimos, o design é bem agressivo, surge o Opel Vizor, e também estará disponível com pintura em dois tons opcional. Tem um comprimento de 4374 mm e largura de 1860 mm, sendo que o novo Opel Astra é apenas 4 mm mais comprido do que o antecessor, enquanto a distância entre eixos, de 2675 mm, aumenta 13 mm. A bagageira tem uma capacidade que pode ser estendida até aos 1250 litros, com os bancos traseiros rebatidos.
Em termos de tecnologias, sistemas de assistência e conforto, destaque para uma estreia no segmento compacto: sistema de iluminação adaptativo Intelli-Lux LED Pixel Light com 168 elementos de LED, 84 em cada farol.
Esta é uma tecnologia disponível pela primeira vez no novo Astra, depois de aplicada no SUV Grandland e no Insignia.
O interior está bem mais refinado, e o Pure Panel forma um ‘cockpit’ digital alargado, integrando dois ecrãs de 10 polegadas (totalmente vidrado, dependendo da versão), controlos físicos e botões reduzidos ao mínimo, por exemplo, para o sistema AVAC (Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado);
Tem, claro está, sistemas de assistência à condução de última geração, tais como: câmara multifunções no para-brisas, quatro câmaras na carroçaria (uma na frente, uma na traseira e uma em cada lado), cinco sensores de radar (um à frente e um em cada canto), bem como sensores ultrassónicos na frente e na traseira. Tem ainda câmaras e sensores integrados com conectividade e-horizon no sistema Intelli-Drive 2.0, ampliando o alcance das câmaras e dos radares. Esta tecnologia adapta a velocidade em curva, apresenta recomendações de velocidade e realiza mudança de faixa de modo semiautomático. Pode contar ainda com alerta de aproximação de tráfego cruzado atrás, deteção de ângulo cego de longo alcance, posicionamento ativo na faixa de rodagem, ‘Cruise control’ adaptativo, ‘Stop & Go’ (com transmissão automática), ‘Head-up display’, Câmara Intelli-Vision e sistema de estacionamento baseado em radar.
Tem sistemas de infoentretenimento multimédia de nova geração com serviços conectados, operado por controlo de voz em linguagem natural, bem como por toque; ligação sem fios Apple CarPlay e Android Auto para ‘smartphones’;
Faz carregamento ‘wireless’ para ‘smartphones’ compatíveis. Os bancos da frente têm certificação AGR.

Híbridos ‘plug-in’ em dois níveis de potência
O novo Opel Astra entra numa nova era, e isso começa com o portfólio de motores. A nova geração será o primeiro modelo da Opel a estar disponível como híbrido ‘plug-in’, em dois níveis de potência, surgindo, um ano após o lançamento no mercado, um Astra-e totalmente elétrico, a bateria. A gama de potências estende-se de 130 cv a 225 cv. No patamar máximo surge um híbrido ‘plug-in’. A versão topo de gama híbrida oferece uma potência de 165 kW/225 cv e um binário máximo de 360 Nm (consumo de combustível WLTP : 1,4-1,1 l/100 km, 31-24 g/km de CO2; valores combinados). O desempenho pelo bloco de quatro cilindros e 1,6 litros debita 180 cv, e o motor elétrico contribui com um máximo de 81 kW/110 cv. A energia é enviada para o eixo dianteiro através de uma transmissão automática de oito velocidades.
Em alternativa, também está disponível uma versão híbrida com 132 kW/180 cv de potência. O binário máximo mantém-se nos 360 Nm (consumo de combustível WLTP1: 1,4-1,1 l/100 km, 31-24 g/km de CO2; valores combinados). Neste caso, o motor a gasolina contribui com 110 kW/150 cv.
Para uma condução sem emissões em cidade pode ser selecionado o modo elétrico. Graças à bateria de 12,4 kWh, o novo Astra Hybrid percorre cerca de 60 quilómetros em modo puramente elétrico, segundo a norma WLTP .
Nos motores de combustão, o motor turbo de injeção direta a gasolina e 1,2 litros de cilindrada, associado a uma caixa manual de seis velocidades, debita 130 cv (consumo de combustível WLTP1: 5,6-5,4 l/100 km, combinado, e 127-122 g/km de CO2). Este propulsor também está disponível com transmissão automática de oito velocidades (consumo de combustível WLTP1: 5,8-5,5 l/100 km, combinado, e 131-125 g/km de CO2). Registe-se que o binário máximo de 230 Nm do motor a gasolina é atingido logo a partir das 1750 rpm.
O motor turbodiesel de quatro cilindros e 1,5 litros, com 130 cv, gera um binário máximo de 300 Nm a partir das 1750 rpm e está disponível com uma caixa manual de seis velocidades (consumo de combustível WLTP1: 4,5-4,4 l/100 km, combinado, e 117-113 g/km de CO2) ou uma transmissão automática de oito velocidades (consumo de combustível WLTP1: 4,7-4,5 l/100 km, combinado, e 121-116 g/km de CO2).
Na primeira fase de comercialização o novo Astra estará disponível na variante ‘hatcback’ de cinco portas, seguindo-se, pouco depois, a Astra Sports Tourer. Volvido um ano sobre o lançamento no mercado desta nova geração, juntar-se-á à gama o Astra-e, com motorização elétrica a bateria.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)